Keiko Fujimori é investigada por lavagem de dinheiro em esquema da Odebrecht no Peru

Keiko Fujimori é investigada por lavagem de dinheiro em esquema da Odebrecht no Peru

GERAL -   


LIMA (Reuters) - A Procuradoria-Geral do Peru abriu uma investigação criminal sobre a líder de oposição Keiko Fujimori por suposta lavagem de dinheiro para e empreiteira Odebrecht como parte de esquema de corrupção no país, disse um advogado de Keiko na terça-feira.

A candidata presidencial de direita duas vezes derrotada e filha mais velha do ex-presidente do Peru Alberto Fujimori, atualmente preso, negou que ela ou que seu partido político tenham aceitado dinheiro da Odebrecht.

"Eu tenho certeza que a investigação confirmará que a Odebrecht não nos deu qualquer dinheiro", disse Keiko no Twitter. "Eu sempre colaborei com todas as investigações e essa não será uma exceção".

O advogado de Keiko, Edward Garcia, disse à Reuters que a investigação preliminar foi aberta em conexão com notas tomadas pelo ex-presidente da Odebrecht Marcelo Odebrecht que mencionavam o nome da política.

A Procuradoria-Geral do Peru, que se recusou a comentar, disse na segunda-feira que havia recebido o conteúdo de notas feitas no celular de Marcelo Odebrecht, mas não forneceu mais detalhes.

(Reportagem de Marco Aquino)