Parente de jihadista que matou policiais na França é detido

Parente de jihadista que matou policiais na França é detido

GERAL -   

Paris, 11 dez 2017 (AFP) - Um parente do jihadista Larossi Abballa, que matou em 13 de junho de 2016 um policial e sua esposa na França, foi colocado em prisão preventiva nesta segunda-feira.

O seu DNA foi encontrado na casa do casal, segundo fontes concordantes, o que confirma uma informação do jornal Le Parisien.

O homem de 24 anos "radicalizado, cujo DNA foi encontrado no computador da família", já havia sido detido uma primeira vez em abril, de acordo com uma fonte próxima à investigação.

Detido nesta segunda-feira perto de Paris, ele deve ser apresentado a um juiz de instrução na parte da tarde, segundo uma das fontes.

grd-bl/na/lv/lpt/mr