Austrália homenageia 9 membros de equipe de resgate em caverna na Tailândia

Austrália homenageia 9 membros de equipe de resgate em caverna na Tailândia

GERAL -   

Bangcoc, 24 jul (EFE).- O governo da Austrália condecorou nesta terça-feira nove cidadãos australianos que participaram da operação internacional de resgate dos 12 meninos e um adulto presos mais de duas semanas em uma caverna na Tailândia.

O anestesista Richard Harris e seu colega, Craig Challen, foram condecorados com a Estrela à Coragem por "atos de coragem notável em circunstâncias de grande perigo", enquanto outros sete participantes da operação receberam a Medalha à Coragem por sua contribuição durante a missão de busca e resgate.

Além disso, os nove foram reconhecidos com a Medalha da Ordem da Austrália pelo seu serviço na comunidade internacional, informou o canal "ABC".

"Só fomos mergulhar dentro da caverna por uns dias e conseguimos tirar as crianças. Estes reconhecimentos são inesperados e queremos enfatizar o grande trabalho de muitas pessoas", declarou Harris aos veículos de imprensa.

As operações de salvamento dos garotos, de 11 e 16 anos, e seu treinador, de 26, geraram uma grande expectativa no mundo todo.

O grupo entrou na caverna Tham Luang, na província de Chiang Rai, durante uma excursão no dia 23 de junho, após terminarem um treino de futebol, quando uma súbita tempestade inundou o caminho de saída da gruta.

Os 13 passaram nove dias perdidos e sem alimentos até que foram encontrados a quatro quilômetros da entrada da caverna, em 2 de julho, e finalmente foram resgatados em uma operação que começou no dia 8 e terminou no dia 10 e contou com mais de mil pessoas.