Com janela fechando segunda, Fla pode ficar sem reforços na Copa do Brasil

Com janela fechando segunda, Fla pode ficar sem reforços na Copa do Brasil

GERAL -   

  • Williams Aguiar/Sport Club do Recife/Divulgação

    Everton Felipe: negociação esfriou com o Flamengo

    Everton Felipe: negociação esfriou com o Flamengo

Vivo nas três competições que está disputando, o Flamengo luta agora contra um adversário que vai além das quatro linhas: o tempo.

Após as negociações com Everton Felipe praticamente melarem, e o papo pela chegada do volante Piris, do San Lorenzo, ainda não estar em estágio final, o clube corre sério risco de não ter esses eventuais reforços inscritos para a Copa do Brasil.

As inscrições para a competição do torneio nacional fecham na próxima segunda-feira e não há nenhuma outra janela que permita a inclusão de novos nomes na lista entregue à CBF. O caso de Vitinho, no entanto, não preocupa tanto, pois  o clube anunciou oficialmente nesta sexta o jogador e a diretoria já corre para inscrevê-lo.

Nas próximas duas quartas-feiras, o Flamengo duela com o Grêmio, em jogos válidos pela competição nacional. Único rosto novo que chegou ao Fla neste período, o colombiano Fernando Uribe estará às ordens de Mauricio Barbieri.

"Temos elenco para a maratona de jogos, estamos bem servidos nesta parte", ponderou o zagueiro Léo Duarte.

Para as demais competições, a situação é um pouco mais confortável, já que o prazo na Copa Libertadores termina no dia 5 de agosto, sendo que a Conmebol ainda dá um novo prazo para as equipes que avançarem à semifinal do torneio continental.

Já no Campeonato Brasileiro, a situação é ainda mais confortável. A CBF determinou o dia 4 de setembro como a data-limite para inclusão de eventuais novos nomes.

A cúpula rubro-negra segue de olho no mercado, mas Barbieri e o elenco estão com todas as atenções voltadas para o Sport, rival do próximo domingo, às 16h, no Maracanã. Como o São Paulo perdeu para o Grêmio, o Fla segue na ponta da tabela do Brasileiro.