Atlético-MG terá defesa diferente para alcançar marca rara para o clube

Atlético-MG terá defesa diferente para alcançar marca rara para o clube

GERAL -   

  • Bruno Cantini/Clube Atlético Mineiro

    Iago Maidana jogou pelo Atlético contra o Paraná na vaga de Gabriel e vai jogar contra o Bahia no lugar de Léo Silva

    Iago Maidana jogou pelo Atlético contra o Paraná na vaga de Gabriel e vai jogar contra o Bahia no lugar de Léo Silva

O Atlético-MG enfrenta o Bahia,nesta segunda-feira, às 20h, na Fonte Nova, pela 16ª rodada do Campeonato Brasileiro. Em Salvador, com uma defesa bastante modificada, o time mineiro vai tentar ficar duas partidas sem sofrer gols, o que algo bastante raro para o Galo desde 2015, no Brasileirão.

Desde o ano que foi vice-campeão, somente em três oportunidades o Atlético conseguiu ficar duas rodadas seguidas sem sofrer gols. Uma vez em 2015, outra em 2016 e a última no passado. Um grande avanço para a defesa atleticana, que apesar da boa colocação da equipe, dentro da zona de classificação para a Libertadores, aparece na lista dos times que mais sofreram gols. Somente quatro times levaram mais gols do que o Galo.

Após não ser vazado contra o Paraná, o Atlético tem nova chance de emplacar duas rodadas seguidas sem sofrer gols. No entanto, com uma linha defensiva bastante alterada em comparação com o jogo anterior. São pelo menos duas trocas certas. O zagueiro Leonardo Silva, com fadiga muscular, e o lateral esquerdo Fábio Santos, com lesão no tornozelo esquerdo, nem sequer viajaram para Salvador.

Ausente contra o Paraná, Gabriel tem retorno garantido e vai formar dupla com Iago Maidana, que finalmente pode ter uma sequência de jogos com a camisa atleticana. Na Cidade do Galo desde o começo do ano, o defensor disputou apenas seis partidas pelo clube.

"Tudo é questão de oportunidade. Pude aproveitá-la ao máximo quando o Larghi me colocou para jogar. Falta ritmo, é visível. Adaptei-me melhor no segundo tempo contra o Paraná. Tenho essa autocrítica e é importante", comentou o Iago Maidana, que chegou ao Atlético cercado por muita expectativa, após fazer uma boa Série B em 2017.

Outra mudança certa vai ser na lateral esquerda, para o lugar de Fábio Santos. O jovem Carlos Gabriel parece ser a opção mais lógica, por ser um jogador da posição. Revelado pelo clube mineiro, foi ele quem entrou durante o segundo tempo da partida com o Paraná. No entanto, o zagueiro Juninho tem boas chances de atuar por ali, assim como foi na estreia pelo Galo, na vitória por 3 a 1 sobre o América-MG, quando Fábio Santos estava suspenso.

E até mesmo uma terceira mudança não está descartada. Um dos maiores investimentos do clube na temporada, o lateral direito Emerson foi titular por quatro rodadas seguidas, nos jogos com Cruzeiro, Flamengo, Sport e Chapecoense, mas perdeu o lugar para Patric. Alguns jogos depois, o jogador revelado pela Ponte Preta pode reaparecer.

FICHA TÉCNICA
BAHIA X ATLÉTICO-MG

Data: 30 de julho de 2018, segunda-feira
Horário: 20h (de Brasília)
Motivo: 16ª rodada do Campeonato Brasileiro
Local: Fonte Nova, em Salvador (BA)
Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (FIFA/GO)
Auxiliares: Fabricio Vilarinho da Silva (FIFA/GO) e Bruno Raphael Pires (FIFA/GO)

BAHIA: Anderson, Bruno, Tiago, Douglas Grolli e Léo; Gregore, Élton; Élber, Régis e Edigar Junio; Gilberto.
Técnico: Enderson Moreira.

ATLÉTICO-MG: Victor, Patric (Emerson), Iago Maidana, Gabriel e Juninho (Carlos Gabriel); José Welison, Matheus Galdezani e Elias; Luan, Yimmi Chará; Ricardo Oliveira.
Técnico: Thiago Larghi.