Erdogan anuncia boicote da Turquia a produtos eletrônicos dos EUA

Erdogan anuncia boicote da Turquia a produtos eletrônicos dos EUA

GERAL -   

O presidente da Turquia, Recep Tayyip Erdogan, afirmou nesta terça-feira que seu país boicotará produtos eletrônicos feitos nos Estados Unidos. A decisão é anunciada em meio à disputa diplomática que detonou uma crise cambial na lira turca.

Sem mostrar sinais de que pretende recuar no impasse com os EUA, Erdogan sugeriu que a Turquia deve parar de comprar iPhones feitos nos EUA e, em vez disso, adquirir os aparelhos da coreana Samsung e da turca Vestel. "Se eles têm o iPhone, há Samsung por toda parte. Nós temos a Vestel", comentou o presidente, sem dizer quando pretende impor o boicote.

Erdogan também renovou o pedido para que os turcos convertam seus dólares em liras turcas, a fim de ajudar a fortalecer a moeda local. A lira bateu mínimas recordes nos últimos dias em relação ao dólar, em meio a preocupações sobre as políticas econômicas turcas e após os EUA imporem sanções sobre o aço e o alumínio turcos. O governo do presidente americano, Donald Trump, critica Ancara pela detenção de um pastor americano, Andrew Brunson, acusado de terrorismo na Turquia. Brunson está em prisão domiciliar. Fonte: Associated Press.