Cruzeiro tenta focar no Brasileiro com jogo em clima de festa e no Horto

Cruzeiro tenta focar no Brasileiro com jogo em clima de festa e no Horto

GERAL -   

  • Marcello Zambrana/AGIF

    Quatro dias após erguer Copa do Brasil, Cruzeiro tenta direcionar o foco para o Brasileirão

    Quatro dias após erguer Copa do Brasil, Cruzeiro tenta direcionar o foco para o Brasileirão

Quatro dias depois de levantar a Copa do Brasil pela sexta vez, o Cruzeiro volta a campo ainda misturando a ressaca pelo hexa, a festa com a torcida e a mudança de foco para o Brasileirão. Ainda sem esquecer a conquista do meio de semana, o clube terá pela frente a Chapecoense no jogo que marcará o reencontro dos atletas com a torcida celeste. Diferente do que costuma acontecer, a partida, com cara de jogo festivo, não será no Mineirão, mas no estádio Independência, casa do América-MG e local onde o maior rival Atlético manda seus jogos.

O motivo do jogo ser realizado no Independência é que o Mineirão receberá o show de Roger Waters, ex-integrante do Pink Floyd. O evento está marcado para as 21h do domingo, apenas algumas minutos depois de terminar Cruzeiro x Chape. Apesar disso, o clube celeste quer fazer uma festa bonita para seu torcedor. A diretoria já fez o convite e tem a expectativa não só de encher o Independência, mas de quebrar o recorde de público. Atualmente, a partida do Atlético contra o Sport, no dia 30 de setembro, detém o maior público do estádio, com 22.654 pagantes, segundo os dados passados pelo clube alvinegro.

Por já estar garantido na próxima Copa Libertadores e não ter chances tão reais de ficar com o título brasileiro, a escalação completa do Cruzeiro para a partida é uma incógnita. Na teoria, o discurso é de não abandonar o campeonato. A diretoria quer a melhor posição possível a fim de arrecadar maior premiação da CBF. Mano Menezes também defende que o momento não é apropriado para fazer testes e quer entrar com todos os titulares.

"A gente vai manter o time inteiro para finalizar a temporada, temos que fazer um percentual melhor do que fizemos até agora, temos time para isso, não é hora de fazer testes. A gente já sabe o que cada um pode render, pode produzir. Nós temos é que jogar, e vamos terminar a temporada com esse pensamento", comentou o treinador, em entrevista ao canal Sportv.

Depois de passar várias rodadas seguidas na sétima colocação, a Raposa desceu alguns degraus e hoje sustenta o 10º lugar, com 37 pontos. A partida contra a Chape será válida pela 30ª rodada do Brasileiro, mas o Cruzeiro ainda tem um jogo a menos que o restante das equipes. Na próxima quarta-feira, o time volta a entrar em campo e jogará contra o Ceará, pela 28ª rodada, desta vez no Mineirão.

CRUZEIRO x CHAPECOENSE

Motivo: 30ª rodada do Brasileirão
Data/Hora: 21/10/2018, às 19h (de Brasília)
Local: Independência, em Belo Horizonte (MG)
Árbitro: Raphael Claus (FIFA/SP)
Assistentes: Danilo Ricardo Manis (SP) e Rogério Pablos Zanardo (SP)