São Paulo garante: não é por falta de vontade ou clima ruim que time caiu

São Paulo garante: não é por falta de vontade ou clima ruim que time caiu

GERAL -   


O São Paulo completou seis jogos sem vencer no Campeonato Brasileiro. Nas últimas nove rodadas, ganhou só uma vez. Queda de desempenho exposta na tabela, com a liderança, que era do clube há três semanas, hoje a seis pontos do Tricolor. Mas o elenco assegura que o problema não é um clima ruim no cotidiano nem mesma a falta de vontade, como reclamaram alguns torcedores que viram o 0 a 0 diante do Atlético-PR, nesse sábado, no Morumbi.

- As vitórias trazem o bom ambiente automaticamente. O futebol é feito de vitórias, de resultados positivos que aumentam a confiança dos jogadores e proporcionalmente, no dia-dia, o ambiente fica ótimo. Quando a gente começa a tropeçar, é claro que a cabeça dos jogadores dá uma caída, ficamos um pouco mais tristes e o ambiente muda um pouco. Mas não é nada de problema interno, nada de uma situação que ocorreu. Unicamente os resultados que deixaram de vir dentro de campo - disse Hudson, capitão do time.

- Não se pode falar que jogamos sem vontade. Vontade não faltou, brigamos até o último minuto. Infelizmente, não conseguimos a vitória. O torcedor está insatisfeito porque são várias partidas sem vitória, mas é trabalhar e pensar no próximo jogo. O jogo mais importante agora é sempre o próximo. É pensar no Vitória, fazer uma excelente partida e sair com três pontos. Precisamos voltar a vencer no campeonato - concordou Reinaldo.

A expectativa é de que o Tricolor tenha tranquilidade para voltar a render como no primeiro turno do Campeonato Brasileiro, em que terminou como líder. O foco para isso, segundo os jogadores, é pensar em uma partida de cada vez, como eles dizem que faziam na boa fase da equipe.

- Temos de levantar a cabeça para o próximo jogo, contra o Vitória, buscar aquela retomada, aquele caminho e aquela confiança que a equipe tanto tinha. Precisamos definir as jogadas com mais tranquilidade, ser mais compactos no sistema defensivo e não deixar o adversário criar tantas chances. Nosso time caiu um pouco e precisamos retomar. Isso é senso comum no grupo, e todos estão trabalhando para mudar isso - discursou Hudson.

- Sempre pensamos na próxima partida, sempre focamos na próxima partida, mesmo quando estávamos no topo da tabela. O próximo jogo é contra o Vitória e temos de pensar nele. É ir jogo a jogo. Essa equipe tem um poder de superação muito grande. Com certeza, essa fase vai passar e vamos voltar a vencer - apostou Reinaldo.