Clube australiano oferece contrato a Bolt, mas técnico diz não saber

Clube australiano oferece contrato a Bolt, mas técnico diz não saber

GERAL -   

  • Cameron Spencer/Getty Images

Usain Bolt poderá, enfim, dar sequência ao sonho de ser jogador profissional de futebol. De acordo com o que publicou o jornal britânico "Daily Mail", neste domingo (21), o Central Coast Mariners (Austrália), clube em que o atleta faz testes, ofereceu uma proposta de contrato ao jamaicano.

Acontece que a informação, divulgada pelo agente de Bolt, Ricky Simms, não foi repassada ao técnico Mike Mulvey, ao que parece. Após o empate de sua equipe por 1 a 1 neste domingo, o comandante desmentiu o acordo, tratando-o como "especulação".

Esta, inclusive, não é a primeira especulação a respeito do ex-velocista. Na última semana, o Valletta FC, de Malta, ofereceu um contrato a Bolt, que recusou . O compromisso teria dois anos de duração.

Pelo Central Coast Mariners, onde treina em período de testes, o homem mais rápido do mundo roubou a cena ao balançar as redes duas vezes no amistoso de pré-temporada contra o MacArthur South West United.