Azul investe em fidelidade e quer mercado de Gol e Latam

Últimas notícias -    

Totalmente controlado pela companhia aérea Azul, o programa de fidelidade TudoAzul atingiu o que considera ser uma participação de mercado adequada ao tamanho da companhia, e agora se prepara para roubar fatias de Multiplus, do grupo Latam, e do Smiles, da Gol. Para isso, a unidade quer explorar a relação direta com o viajante da Azul e com a estrutura de precificação do assento. “A estratégia é B2C (business to consumer). Consequentemente, o B2B (business to business) vai acabar acontecendo”, afirmou o diretor do TudoAzul, destacou Daniel Bicudo.  Na visão do executivo, os programas Multiplus e Smiles têm focado mais na venda dos pontos e milhas a seus parceiros comerciais, o que ele julga estar mais distante da fidelidade e da geração de valor para as companhias aéreas. O diretor destaca que o faturamento bruto do programa da Azul aumenta dois dígitos há vários trimestres. Entre abril e junho, o faturamento bruto com a venda de pontos (excluindo as vendas à companhia aérea) mostrou alta de 38% em relação a igual período de 2017, fazendo com que o TudoAzul atingisse 18% de market share por esse critério. E a base de participantes mais do que dobrou nos últimos anos, passando de 4,5 milhões em 2014 para quase 10 milhões de clientes no segundo trimestre, chegando mais perto dos 14,6 milhões da Smiles e 21,1 milhões da Multiplus. Tarifa Garantida A Gol lançou um serviço que permite ao viajante reservar, por até 48 horas, uma tarifa aérea encontrada nos canais de vendas da empresa. Chamado de “Tarifa Garantida”, o serviço é válido para as famílias de tarifas Premium, Max, Plus e Light - a classe PROMO fica de fora. Quem quiser realizar uma reserva no Brasil terá de pagar uma taxa de R$ 30, Já para reservas feitas no exterior (com exceção de Argentina e Uruguai, devido a regras regulatórias locais), o valor é de US$ 15. O valor da reserva não será considerado como parte de pagamento do bilhete aéreo e não será reembolsado caso o consumidor cancele ou conclua a operação de compra, informa a Gol.

Fonte: http://www.jb.com.br/economia/noticias/2018/08/18/azul-investe-em-fidelidade-e-quer-mercado-de-gol-e-latam/
 

 */ ?>