Líder do EI encoraja jihad em áudio atribuído a ele após quase um ano

Últimas notícias -    

O líder do grupo extremista Estado Islâmico (EI), Abu Bakr Al Bagdadi, pediu a seus seguidores que prossigam com a "jihad" (guerra santa), em uma mensagem de áudio difundida nesta quarta-feira (22) no aplicativo de mensagens instantâneas Telegram, a primeira atribuída a ele em quase um ano. Sua mensagem, divulgada por ocasião da festa do sacrifício ou Eid, que marca o fim da peregrinação anual a Meca, chega em um momento em que o grupo extremista se encontra encurralado na Síria, após ter sido expulso de todos os centros urbanos do Iraque, depois de ter controlado grandes territórios nos dois países. "Aqueles que esquecem de sua religião, da paciência, da jihad contra seus inimigos e de sua convicção na promessa do Criador desabam e caem. Os que aguentam são os poderosos e vitoriosos, inclusive depois de certo tempo", afirma ele, que se apresentou através de uma mensagem de propaganda como Abu Bakr Al Bagdadi, no início do áudio de quase 55 minutos. A mensagem mais recente atribuída a Bagdadi remontava a 28 de setembro de 2017. Já nesta mensagem, o líder do EI pedia a seus combatentes encurralados na Síria e no Iraque a "resistir" frente aos seus inimigos, em um contexto no qual a organização jihadista tinha perdido meses antes sua "capital" no Iraque, Mossul. Abu Bakr Al Bagdadi, dado como morto em várias ocasiões, estaria vivo ainda e se encontraria em território sírio, ao longo da fronteira com o Iraque, segundo autoridades iraquianas. ak-sbh/vl/jz/bc/mvv

Fonte: http://www.jb.com.br/internacional/noticias/2018/08/22/lider-do-ei-encoraja-jihad-em-audio-atribuido-a-ele-apos-quase-um-ano/
 

 */ ?>