Biblioteca Pública Municipal de São José completa 141 anos de fundação

Para celebrar a data, foram realizadas sessões de contação de histórias para crianças

Conhecida por possuir um dos acervos mais antigos do Estado, contendo mais de 23 mil exemplares para leitura, a Biblioteca Pública Albertina Ramos de Araújo, no Centro Histórico de São José, comemorou 141 anos de fundação nesta quinta-feira (4). Para celebrar a data, a Fundação Municipal de Cultura e Turismo (FMCT) promoveu sessões de contação de histórias para as turmas do 1º e 2º ano da Escola de Educação Básica Francisco Tolentino.

A Biblioteca Pública foi fundada em 1877, quando o então presidente da Câmara Municipal de São José, João Ferreira de Melo, solicitou sua implantação ao presidente da Província de Santa Catarina. Em 1985, a Biblioteca foi instalada na Casa da Cultura passando a se chamar “Albertina Ramos de Araújo”. Já em 2008, passou a funcionar em novo endereço, no Casarão da Familia Gerlach, do lado da Igreja Matriz, no Centro Histórico de São José.

Para a superintendente da Fundação Municipal de Cultura e Turismo, Joice Porto, a atividade em comemoração ao aniversário foi pensada para mostrar às crianças um pouco mais do que é uma biblioteca e colocá-las em contato com os livros para estimular a prática da leitura. “Uma leitura realizada com prazer desenvolve a imaginação, a escuta atenta e a linguagem, além de desenvolver o intelecto”, afirma Joice.

A superintendente explica ainda que, quando a criança é incentivada a ler, ela se torna ativa e está sempre disposta a desenvolver novas habilidades. “A leitura, como andar, só pode ser denominada depois de um longo processo de crescimento e aprendizado”, assinala Joice.

A contação de história ficou por conta dos professores de teatro da FMCT, Érica Veiga e Nériton Martins, que fizeram sucesso com seus personagens “Ping” e “Pong” em meio às crianças. A professora Janete Rose Teixeira conta que as crianças ficaram completamente encantadas com este universo lúdico. “Os olhinhos dos pequenos brilharam do início ao fim. Através das historinhas contadas pelos personagens e por toda a fantasia que os envolvia, captaram bem a mensagem transmitida sobre a importância da leitura”, avalia a educadora.

O acervo da Biblioteca Municipal é constituído por diversas áreas de conhecimento, composto por livros, periódicos informativos e científicos, obras de referência, como enciclopédias, dicionários, guias, anuários, entre outros. O público que frequenta o local é variado, do infantil a terceira idade. Atualmente, o espaço conta com 4 mil usuários cadastrados e o número aproximado de empréstimos mensais é de 700 livros. Além do empréstimo, também é oferecido serviços de pesquisa local, orientação ao usuário, visitas escolares e recreação para crianças da comunidade.

Aos interessados em visitar e conhecer o acervo, o espaço está localizado na rua Padre Macário, nº 10, e o horário de funcionamento é de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h. Para ter acesso ao sistema de empréstimo de livros, basta levar documento com foto, comprovante de residência e uma foto 3×4. A carteirinha fica pronta na hora. Mais informações pelo telefone 3259-2368.

 


Fonte: Floripa News