topo JF - Agência e Clipping de Notícias

 

 

 

05/06/2017 às 06:52
TRE-SC determina cassação de diplomas de dois vereadores por compra de votos

 

O Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina (TRE-SC) determinou a cassação dos diplomas de dois vereadores catarinenses por compra de votos. Um deles foi denunciado por tentar comprar votos de indígenas em Araquari, no Norte do estado, e a outra, por tentar comprar votos de um família de Modelo, no Oeste catarinense. As duas decisões dos juízes são de quarta (31) e foram divulgadas no fim da tarde de sexta-feira (2) pelo TRE-SC.

O vereador de Araquari, José Lir Medeiros Cardoso (PMDB) foi condenado por distribuir roupas, móveis e utensílios domésticos a indígenas em troca de votos. Além da cassação do diploma, o vereador foi condenado a pagar multa de R$13,3 mil. Um recurso apresentado por Cardoso foi negado, segundo TRE-SC.

O vereador informou ao G1 que está recorrendo da decisão "com toda garantia" e que seu advogado pretende derrubar a sentença. O G1 não conseguiu contato com a Câmara de Araquari para um posicionamento sobre o caso.

Na mesma sessão, o TRE determinou a cassação do diploma da vereadora Cecília Rambo Geller (PMDB), do município de Modelo, por comprar votos de uma família por meio do marido. Ele teria dado um cheque de R$2,5 mil à família. Além do diploma cassado, Cecília foi condenada a pagar multa de cerca de R$37 mil.

Procurada pelo G1, a vereadora informou apenas que tem advogados cuidando do caso e não detalhou se vai recorrer da decisão. O G1 não conseguiu contato com a Câmara de Modelo para um posicionamento sobre o caso.

Loading...


 

Loading...
 

 

Cadastre seu e-mail e receba nossos boletins diários:

 

 

 

 

Leitores On Line