topo JF - Agência e Clipping de Notícias

 

 

 

27/06/2017 às 18:03
Claudinei festeja atuação de Douglas, mas pontua: "Problema do Avaí nunca foi goleiro?

 

Para o treinador, momento é para passar confiança ao novo goleiro titular; Leão bateu o Botafogo por 2 a 0, fora de casa, e deixou lanterna

 Eduardo Madeira Junior

 

Um dos destaques do Avaí na vitória por 2 a 0 sobre o Botafogo na noite desta segunda (26), no estádio Nilton Santos, pela 10ª rodada do Campeonato Brasileiro, foi o goleiro Douglas. Colocado no time titular após as falhas de Kozlinski na derrota por 3 a 0 diante do Fluminense na partida anterior, ele chamou a atenção por importantes defesas que ajudaram a segurar a vitória do Leão, no Rio de Janeiro.

 

“O problema do Avaí nunca foi goleiro. O que aconteceu é que foi uma falha diferente. Conversei com ele [Kozlinski] e, para jogar contra a Ponte Preta na Ressacada [11ª rodada], ele já entraria em campo vaiado pelo tipo de gol que sofreu. Seria justo colocar o Douglas para ganhar ritmo porque, fatalmente, teríamos de utiliza-lo contra a Ponte”, afirmou o técnico Claudinei Oliveira, em entrevista coletiva pós-jogo no estádio Nilton Santos.

 

 

Claudinei elogiou ainda a postura de Kozlinski, que mesmo mostrando chateação com a perda da posição, deu apoio ao novo titular. O treinador lembrou que em 2016, quando era reserva de Renan, o supracitado goleiro dava constante apoio ao colega.

 

“O Douglas sempre foi excelente companheiro ao Kozlinski, soube esperar a vez e tenho plena confiança nos dois. Fico feliz pela atuação do Douglas e ele foi premiado por ter sido um companheiro leal. Não desqualifico o Kozlinski, é um grande goleiro, teve uma falha como qualquer outro goleiro já teve. O momento é dar força ao Douglas e, aos poucos, ir recuperando o Kozlinski”, destacou.

 

Sobre a vitória no Rio de Janeiro, Claudinei pediu calma e disse já pensar no próximo jogo. “A equipe se doou bastante desde o primeiro minuto até o minuto final. Fizemos os gols, coisa que estávamos tendo dificuldades. Vale três pontos, mas vale até a próxima partida, porque o questionamento vem de novo e a gente deixa de ser bom por qualquer resultado. Precisamos manter os pés no chão, foi uma grande vitória, uma vitória da união e esperamos que a equipe tenha a mesma felicidade na próxima partida”, projetou o treinador.

 

O Avaí, de Claudinei Oliveira, volta a jogar no próximo domingo (2), às 19h, diante da Ponte Preta, na Ressacada. A equipe catarinense ocupa a 19ª colocação do Brasileirão, com oito pontos.

Loading...


 

Loading...
 

 

Cadastre seu e-mail e receba nossos boletins diários:

 

 

 

 

Leitores On Line