<p>Herman Cain, controverso candidato apresentado por Donald Trump para um vaga de governador Fed, banco central americano, se retirou da corrida, anunciou nesta segunda-feira o presidente dos Estados Unidos em sua conta no Twitter.</p><p>”Meu amigo Herman Cain, um homem realmente maravilhoso, me pediu para não indicá-lo para uma vaga no Banco Central. Vou respeitar seus desejou”, tuitou Trump.</p><p>Cain, de 73 anos, quase não tinha chance de conseguir o emprego no Fed após vários senadores republicanos tornarem pública sua intenção de bloquear sua indicação, ao considerar que não é qualificado para a vaga.</p><p>Herman Cain dirigiu uma rede de pizzarias e integrou um braço regional do Fed. Em 2012, precisou abandonar a disputa pela nomeação republicana para as eleições presidenciais após ter sido acusado de abuso sexual.</p><p> * AFP </p><!– contentFrom:cms –>
Fonte: Diário Catarinense