Fundação Cultural Badesc homenageia fundador do Cine ART 7

A programação do mês de setembro do Cineclube da Fundação Cultural Badesc, será dedicada a Darci Costa, fundador do Cine Art 7, que completa 90 anos neste mês. Nos dias 5, 19, 21 e 28, serão exibidos os filmes prediletos de Darci e um documentário sobre ele.

“Falar da história do cinema de rua de Florianópolis, sem falar de Darci Costa é o mesmo que nada. A história de um está ligada a do outro. Ninguém como ele viveu tão bem aqueles anos dourados em que filas de espera contornavam quarteirões aguardando as sessões seguintes porque a anterior já estava com bilheteria esgotada”, relembra Ricardo Helou, integrante do grupo Art 7.

Darci comandou por 11 anos (1986-1997), ao lado do sócio Alberto Fermiano, o Cine ART 7, localizado no prédio à rua Almirante Alvim, onde hoje é a sede da Agência de Fomento do Estado de Santa Catarina (Badesc).  Tendo Z, de Costa Gavras, como filme de estreia, foi naquele espaço para 190 lugares, com cadeiras simples e de madeira, que os adeptos do cinema de arte assistiam ao que o mentor do Cine Art 7 escolhia a cada semana. Em algumas sessões, o filme era exibido para apenas cinco espectadores, o que forçava Darci a pagar do próprio bolso o aluguel da fita. A sua paixão fez o cinema funcionar até ser desativado para a instalação da sede central do Badesc. Neste mesmo período, outro endereço dos cinéfilos era no Centro Integrado de Cultura (CIC) comandado por Gilberto Gerlach.

Sobre Darci

Formado em direito, jornalista e radialista autodidata, crítico de cinema do extinto jornal O Estado e bancário por profissão, dedicou grande parte de sua história à sua paixão maior: a sétima arte. No início da década de 60, Darci experimentou um projeto semelhante ao Art 7: o Cine Central, que teve dois anos de duração. O Cine Central funcionou na rua Felipe  Schmid, onde hoje funciona as Livrarias Catarinense. Entre as recordações, Darci guarda, em um dos cômodos de sua casa, o maquinário de projeção e alguns rolos de celuloides. Pôsteres de filmes e painéis montados artesanalmente adornam as paredes da sala. Mais de três mil DVDs lotam estantes, com muitos clássicos.

Fã de westerns e musicais, em certa ocasião, para assistir O Intrépido General Kuster (1941), Darci perdeu o último ônibus da noite. Resultado: caminhou do centro até o final do Saco dos Limões, onde morava, debaixo de chuva torrencial e com a cidade às escuras por causa de um blecaute. “Em outra ocasião, sem dinheiro para pagar o ingresso, acomodou-se próximo à sala de projeção, contentando-se em ouvir os diálogos do capítulo final de um seriado de aventura”, acrescenta Ricardo Helou.

Programação

Darci foi personagem do documentário Cine ART 7- Os Descaminhos da Memória (2007, 34 min), dirigido por Phelipe Janning. Esse e três curtas, de 2 minutos cada, dirigidos por Zeca Pires, para a TV UFSC, serão exibidos no dia 19 de setembro (segunda-feira), às 19h, com a presença de Darci e outros manezinhos cinéfilos que ao final da sessão, participarão de um bate-papo.

Nos dias 5, 21 e 28 a programação traz filmes com Rita Hayworth, grande paixão de Darci: Gild, Modelos e Sangue e Areia são os filmes escolhidos para estas datas.

Serviço

O que: Mostra Homenagem a Darci

Quando: 5,19,21 e 28 de setembro às 19h.

Local: Fundação Cultural Badesc – Rua Visconde de Ouro Preto, 216, Centro, Florianópolis – telefone: (48) 3224-8846

Quanto: Entrada gratuita

Fonte: floripanews