Após campanha ruim em 2019, equipe de Santa Catarina sonha com título no Campeonato Brasileiro de Pôquer desta temporada

A 15ª edição do Campeonato Brasileiro de Pôquer será disputada neste ano. Com cada vez mais participantes, e ficando mais concorrido, o torneio é uma prova de como o jogo conseguiu ganhar espaço no país.

Santa Catarina não fica de fora dessa febre, tendo inclusive conquistado o título nacional de equipes em 2016. A expectativa é de que este ano o time catarinense consiga se recuperar da campanha ruim de 2019, quando ficou na 13ª posição. Com cada vez mais jogadores, principalmente jogando online, os representantes devem ser anunciados em breve.

Na primeira edição com disputas em equipe do torneio nacional, em 2013, apenas 12 participantes tentaram o título e viram o Rio de Janeiro ser campeão com 89 pontos. A equipe composta por Nicolau Villa-Lobos, Myro Garcia, Christian Kruel, Alexandre Rivero, Chan Man Xin e Janira Belmiro venceu o Goiás na mesa final, como é possível relembrar em http://www.espn.com.br/. Santa Catarina chegou a disputar o torneio, mas não passou da sexta posição.

O primeiro título da equipe no torneio nacional só veio três anos depois, como mostra matéria publicada em https://diarinho.com.br/. Apesar de disputar a competição desde 2013, a equipe precisou esperar pela revelação de novos jogadores. Isso aconteceu até rapidamente, e um dos motivos ligados a essa eficiência foi o surgimento de sites que disponibilizam pôquer virtual, como as plataformas de cassino online. A utilização dessas plataformas foi essencial para o crescimento do número de jogadores ao redor do Brasil, incluindo em Santa Catarina, conforme ilustrou o resultado do campeonato em 2016.

Os mencionados portais de cassino online acabam sendo uma oportunidade para jogadores amadores buscarem mais experiência e, no futuro, conseguirem algum destaque no âmbito profissional, caso assim desejem. O crescimento desse setor tem sido tão intenso que atualmente também é possível, em plataformas como https://www.casinoseal.com/br, compreender melhor como funcionam esses sites e também quais são os melhores portais desse tipo para quem busca jogar pôquer e outras modalidades pela internet.

Goiás vence em 2019

Quem está aproveitando o aumento do número de atletas no pôquer é o estado de Goiás. Com um time mais jovem e composto por atletas que se destacaram online, os goianos venceram a disputa do ano passado contra o Rio Grande do Sul e levaram para a casa o título inédito, conforme noticiou o portal https://www.lance.com.br/. O time do Centro-Oeste já tinha batido na trave duas vezes, mas não deixou escapar a terceira chance que surgiu. Assim, com destaque para a jogadora Kelly Manze, o Goiás conquistou o Campeonato Brasileiro.

Em 2020, a 15ª edição promete muito equilíbrio e disputas. O torneio está agendado para acontecer entre os dias 19 e 24 de março. Os representantes do time de Santa Catarina só devem ser anunciados perto da competição, já que, provavelmente, teremos mudança quanto aos jogadores. O resultado ruim em 2019 deve ser o motivo para as alterações.

O pôquer tem ganhado cada vez mais espaço não apenas no dia a dia das pessoas, mas também na mídia. Se profissionalizar no esporte é cada vez mais fácil, principalmente com a possibilidade de fazer isso online, o que não exclui bastante treino e estudo. Florianópolis deve ficar de olho nos próximos eventos e também na chance de sediar alguma etapa do Campeonato Brasileiro, afinal, como vimos, o estado possui um título nacional e muita tradição nas mesas de jogo. A 15ª edição do Campeonato Brasileiro de Pôquer será disputada neste ano. Com cada vez mais participantes, e ficando mais concorrido, o torneio é uma prova de como o jogo conseguiu ganhar espaço no país.

Santa Catarina não fica de fora dessa febre, tendo inclusive conquistado o título nacional de equipes em 2016. A expectativa é de que este ano o time catarinense consiga se recuperar da campanha ruim de 2019, quando ficou na 13ª posição. Com cada vez mais jogadores, principalmente jogando online, os representantes devem ser anunciados em breve.

Na primeira edição com disputas em equipe do torneio nacional, em 2013, apenas 12 participantes tentaram o título e viram o Rio de Janeiro ser campeão com 89 pontos. A equipe composta por Nicolau Villa-Lobos, Myro Garcia, Christian Kruel, Alexandre Rivero, Chan Man Xin e Janira Belmiro venceu o Goiás na mesa final, como é possível relembrar em http://www.espn.com.br/. Santa Catarina chegou a disputar o torneio, mas não passou da sexta posição.

O primeiro título da equipe no torneio nacional só veio três anos depois, como mostra matéria publicada em https://diarinho.com.br/. Apesar de disputar a competição desde 2013, a equipe precisou esperar pela revelação de novos jogadores. Isso aconteceu até rapidamente, e um dos motivos ligados a essa eficiência foi o surgimento de sites que disponibilizam pôquer virtual, como as plataformas de cassino online. A utilização dessas plataformas foi essencial para o crescimento do número de jogadores ao redor do Brasil, incluindo em Santa Catarina, conforme ilustrou o resultado do campeonato em 2016.

Os mencionados portais de cassino online acabam sendo uma oportunidade para jogadores amadores buscarem mais experiência e, no futuro, conseguirem algum destaque no âmbito profissional, caso assim desejem. O crescimento desse setor tem sido tão intenso que atualmente também é possível, em plataformas como https://www.casinoseal.com/br, compreender melhor como funcionam esses sites e também quais são os melhores portais desse tipo para quem busca jogar pôquer e outras modalidades pela internet.

 

Fonte: floripanews