Menu

Líderes se unem para elevar negócios no CE

0 Comments

Criado em 2013 para conectar empresários, difundir e fortalecer os princípios éticos de governança corporativa no Brasil, o Grupo de Líderes Empresariais (Lide) chega ao Ceará também com o objetivo de colocar o Estado no mapa dos grandes negócios por meio da atração de novos investimentos.

"Nós precisamos de um novo olhar sobre o desenvolvimento econômico e social do estado do Ceará, independentemente do momento pelo qual passa o País. O Lide vai permitir a interface de empresários cearenses com empresários do Brasil e do mundo", afirmou a presidente do Lide Ceará, Emília Buarque, durante coletiva de imprensa realizada ontem no Hotel Gran Marquise, em Fortaleza.

Filiados

Atualmente, o Grupo Líderes Empresariais conta com mais de 1.700 empresas filiadas que representam cerca de 50% do Produto Interno Bruto (PIB) nacional. Com origem em São Paulo e presente em 13 estados brasileiros, o Lide também dispõe de outras 16 unidades localizadas no exterior, em países como Alemanha, Angola, Argentina, Chile, China, Estados Unidos, Itália, Marrocos, Portugal, e Uruguai.

Caminho

"O Lide chega ao Ceará neste momento no qual existe a esperança de que caminhemos de forma diferente nos rumos da economia. No estado do Ceará, nós formamos um comitê consultivo, um grupo composto por 12 empresários de diversos segmentos, porque o Lide é multissetorial, multitemático e multilateral. Temos a perspectiva de, até o fim deste ano, chegarmos a 50 filiados do Lide Ceará, dobrando esse número em 2017", acrescentou Emília Buarque.

Objetivos

Além de unir empresários de diferentes setores em prol de objetivos comuns e positivos para o desenvolvimento do País, a instituição tem os seguintes objetivos: incentivar e promover as relações empresariais; discutir temas econômicos e políticos de interesse nacional; estimular o respeito ao meio ambiente; defender a ética, os princípios democráticos e a eficiência de gestão nos setores público e privado; fortalecer a governança corporativa; promover, atualizar e aperfeiçoar o conhecimento empresarial; e sensibilizar o setor privado para programas comunitários, com prioridade para educação e formação profissional.

Protagonismo

"Independentemente de quem está à frente do governo, todos nós devemos ter em mente que precisamos ser protagonistas para melhorar o ambiente econômico do Brasil, aumentando a geração de emprego e renda. Temos que assumir essa responsabilidade, para que o País volte a crescer", destacou, durante o evento, o vice-presidente do Lide Ceará, Sérgio Resende.

Eventos

Em outubro, o Lide Ceará promoverá dois eventos para os associados. No dia 14, haverá o evento inaugural do grupo com um almoço-debate e palestra do presidente do Hospital Israelita Albert Einstein e presidente do Lide Saúde, Cláudio Lottenberg. No dia 24, será o evento inaugural do capítulo Lide Mulher Ceará. O debate terá a ex-presidente da Dudalina e presidente do Lide Mulher, Sonia Hess.

O QUE ELES PENSAM

Troca de experiências para crescer

"É maravilhoso quando você junta pessoas em prol do crescimento do Estado, e esse é um dos papéis do Lide Ceará. Queremos que essa conexão de ideias e negócios com empresários do Brasil e do mundo ajude no nosso desenvolvimento. Em relação à construção civil, esse novo momento vai nos ajudar a ser mais eficientes em todos os processos do setor"

Patriolino Dias

Diretor do Lide Construção Civil

"A nossa principal ideia é trazer inovação e dividir experiências, que sempre são muito ricas, principalmente, no atual momento do Brasil. Sobre o varejo, entendemos que o setor é uma verdadeira ciência de gestão. Queremos trazer discussões para criar algo novo, estudar os modelos de varejo e também a sua dinâmica para gerar soluções para o Estado"

Francisco Marinho

Diretor do Lide Comércio

"Vemos a chegada do Lide ao Ceará de forma muito positiva, com a potencialidade de grandes parcerias nacionais e internacionais, inclusive no setor do agronegócio. Com a aproximação de diversas lideranças, é possível discutir os objetivos e as melhorias necessárias para a sociedade. É por meio da troca de ideias que se chega a essas melhorias"

Tom Prado

Diretor do Lide Agronegócios

2

Fonte: diariodonordeste

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *