Menu

Senador dos EUA prevê o 'pior' para Maduro e 'prisão' para Cabello

0 Comments

<p>O senador americano Marco Rubio previu nesta segunda-feira (11) o pior para o presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, e antecipou prisão para o número dois do chavismo, Diosdado Cabello, mas reiterou a oferta de Washington de eximir de sanções altos comandos que desconhecerem sua autoridade ilegítima.</p><p>Rubio assegurou que “o futuro da democracia na Venezuela está em grande medida nas mãos de seus homens” e prometeu que não haverá um “expurgo militar” para os que aderirem a Juan Guaidó, reconhecido como presidente interino por Estados Unidos e meia centena de países.</p><p>Guaidó, chefe do Parlamento eleito em 2015, se autoproclamou em 23 de janeiro comprometendo-se a organizar novas eleições, após considerar que Maduro foi reeleito em eleições fraudulentas.</p><p>Rubio, ponta de lança da ofensiva do presidente Donald Trump contra a Venezuela de Maduro, disse que o processo inciado há três semanas “é irreversível” e que Maduro “não tem escapatória”.</p><p>”A partir daqui só piora para Maduro”, destacou em um fórum organizado pela conservadora Heritage Foundation e o Instituto Republicano Internacional.</p><p>Acrescentou que, para Cabello, presidente da Assembleia Constituinte que rege com poderes absolutos, “não existe futuro, simplesmente uma prisão”.</p><p>Embora tenha dito que outros como ele não poderão “receber nenhum tipo de anistia de parte dos Estados Unidos por acusações federais”, será possível fazer concessões a fim de evitar um banho de sangue.</p><p> * AFP </p><!– contentFrom:cms –>
Fonte: Diário Catarinense