Sindicato vai avaliar projeto com mudanças na lei que suspendeu plano de carreira de servidores

Sindicato vai avaliar projeto com mudanças na lei que suspendeu plano de carreira de servidores

<p>Com o anúncio feito pelo prefeito Gean Loureiro nesta manhã de enviar para a Câmara de <b> Florianópolis </b> um novo projeto de lei (PL) com mudanças no plano de carreira dos servidores, a greve na Capital ganhou um novo capítulo. Agora, o sindicato pretende avaliar a proposição para se manifestar “a rigor e com detalhes” aos trabalhadores. No entanto, mesmo sem saber a íntegra da proposta, de acordo com o presidente do Sindicato dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal de Florianópolis (<b>Sintrasem</b>), Alex Santos, a PL ainda corta direitos da categoria. Confira a entrevista com a posição do sindicato:</p><p><b>O sindicato já foi informado do projeto com mudanças na lei que suspendeu plano de carreira e cortou benefícios? Já sabem o conteúdo?</b><br>A gente recebeu um ofício no fim da tarde de ontem. Eu não estava no sindicato e só vi hoje pela manhã. Nós só vamos nos manifestar a rigor e com detalhes quando a gente conseguir ler. Aí a gente vai soltar um documento para a categoria. (O novo projeto) é menos pior, mas continua cortando direitos. <br></p><p><b>A prefeitura disse que apresentou os 11 pontos para o sindicato como proposta, mas o sindicato não repassou isso aos servidores. Chegou algum proposta para vocês?</b><br>Houve conversas, mas ele não apresentou nenhuma proposta. Proposta é documento, negociação tem que ser documentada. A gente só conversou com a comissão. </p><p><b>Houve conversas, mas nada ficou decidido com documentação, é isso?</b><br>Do ponto de vista de uma negociação, conversar não é resposta e não é negociação, isso é falar. Nas negociações saem documentos.<br></p><p><b>O Ministério Público entrou em contato com o sindicato dando prazo para os professores voltarem às aulas até hoje…</b><br>Isso está equivocado. De oficial, o Ministério Público enviou um pedido solicitando informações até 48h para nós entregarmos para ele a resposta.</p><p><b>O que o documento solicita?</b><br>Para a gente apresentar documentos em defesa da nossa tese. Até segunda-feira nós vamos enviar as informações. <br></p><p><b>O projeto de lei agora vai para a Câmara. Como andam as negociações com os vereadores?</b><br>Não tem negociação com os vereadores. O presidente da Câmara estava nas reuniões com o sindicato e a prefeitura, e eles mesmos viram que o prefeito estava equivocado em alguns pontos, mas não tem negociação com a Câmara. Agora, o projeto vai para a Câmara e vai cair na mão dos vereadores, e ela vai ter que resolver essa bomba. <br></p><p><b>Leia mais notícias:<br> “Sintrasem mente para servidores”, diz Gean Loureiro <br> Gean envia projeto com mudanças na lei que cortou benefícios <br> Prefeitura de Florianópolis divulgará lista dos grevistas com corte no salário </b><br></p><p> <br></p><p></p><!– contentFrom:cms –>
Fonte: Diário Catarinense

Loading...
ASSINATURA JORNAL FLORIPA

Leitores On Line