Temer 'roubou' R$ 1 milhão de propina que seria para aliados, diz delator da JBS
topo Leitores On Line

Temer 'roubou' R$ 1 milhão de propina que seria para aliados, diz delator da JBS


Em sua delação premiada à Procuradoria-Geral da República, o diretor de relações institucionais da JBS, Ricardo Saud, revelou que o presidente Michel Temer ‘roubou’ uma parte de uma propina requisitada por ele mesmo para ser distribuída entre aliados, em 2014, durante a corrida presidencial. Segundo o executivo, Temer solicitou R$ 15 milhões da empresa e tomou R$ 1 milhão somente para ele.


“Nessa eleição (de 2014), eu vi só dois caras roubar dele mesmo. Um foi o (ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Gilberto) Kassab e outro foi o Temer”, ressaltou Ricardo Saud. De acordo com o delator, o dinheiro saiu da “conta corrente” que o PT mantinha na JBS, alimentada por recursos do BNDES e fundos de pensão.


Ainda de acordo com Saud, Temer pediu diretamente parte do dinheiro da propina, requisitando, inclusive, que o mesmo fosse entregue ‘vivo’ em um endereço determinado por ele. “Foi entregue na empresa Argeplan, Arquitetura e Engenharia, em São Paulo. Quem recebeu o foi um dos donos, o coronel (aposentado da Polícia Militar) João Baptista (Lima Filho), amigo de Temer”, ressaltou.


Confira a delação de Ricardo Saud na íntegra:


Fonte: diariodonordeste

Loading...

Cadastre seu e-mail e receba nossos boletins diários:

ASSINATURA JORNAL FLORIPA
Leitores On Line

Leitores On Line