Cinegrafista morre por Covid-19 um mês após a irmã também não resistir à doença em MT


O cinegrafista também foi atleta profissional de futebol. Waldemar Neto
Arquivo Pessoal
O cinegrafista Waldemar Neto, mais conhecido como Demar, de 54 anos, faleceu na madrugada deste domingo (13), devido à Covid-19, em Rondonópolis, a 218 km de Cuiabá.
Demar havia perdido há cerca de um mês a sua irmã mais velha, também vítima da Covid.
O cinegrafista também foi atleta profissional de futebol.
Ele foi campeão estadual da segunda divisão pelo Vila Aurora em 1989 e em 1990, jogou pelo Tigre da Vila.vEle ainda jogou como profissional pelo Barretos, time do interior paulista.
Adicionar aos favoritos o Link permanente.