Com Covid-19, prefeito de Campo Largo é entubado após piora no quadro respiratório, diz hospital


Boletim médico diz que Marcelo Puppi (DEM) ‘encontra-se sedado, em coma induzido’ nesta segunda-feira (14). Ele está na UTI desde 28 de novembro. Prefeito de Campo Largo, na Região Metropolitana de Curitiba, foi diagnosticado com Covid-19
Reprodução/Assessoria Marcelo Puppi
O prefeito de Campo Largo, na Região Metropolitana de Curitiba, Marcelo Puppi (DEM), de 61 anos, precisou ser entubado, nesta segunda-feira (14), após apresentar piora no quadro respiratório devido à Covid-19, segundo o Hospital do Rocio.
Puppi testou positivo para o novo coronavírus em 24 de novembro, foi internado no hospital no dia 25 e no dia 28 foi transferido para a UTI.
De acordo com um boletim médico divulgado nesta segunda-feira, o prefeito “encontra-se sedado, em coma induzido, mantendo-se o tratamento e medicações”.
Segundo o hospital, ele também está usando ventilação mecânica.
CORONAVÍRUS NO PARANÁ: Veja as principais notícias
A primeira-dama do município, Daniela Corsini Puppi, também ficou internada após ser diagnosticada com a Covid-19, mas ela teve alta hospitalar no mesmo dia em que o marido foi para a UTI.
Segundo o boletim da Secretaria Estadual da Saúde (Sesa), Campo Largo teve 5.737 casos confirmados desde o início da pandemia e 107 mortes.
Marcelo Puppi, do DEM, é eleito prefeito de Campo Largo
VÍDEOS: Mais assistidos do G1
Veja mais notícias da região em G1 Paraná.
Adicionar aos favoritos o Link permanente.