Coronavírus: três novas mortes são confirmadas e mais de 100 pacientes estão internados em Divinópolis


Dados são do Boletim Diário desta segunda-feira (14). Em comparação com o informativo de sexta (11), 80 pessoas aparecem nos registros de recuperados. Imagem mostra testes de Covid-19 em Sorocaba
Divulgação/ Câmara Municipal de Sorocaba
Duas idosas, de 69 e 81 anos, e um idoso de 85, são as novas vítimas da Covid-19 em Divinópolis, conforme o Boletim Diário desta segunda-feira (14). A atualização ainda aponta que mais de 100 pacientes estão internados no município. O informativo não é atualizado pela Prefeitura nos fins de semana.
Dos 101 pacientes internados, 63 estão em leitos de enfermaria. Entre o Boletim de sexta (11) e o desta tarde, mais 80 pessoas aparecem nos registros de recuperados do novo coronavírus. A lista de óbitos por bairros também foi atualizada.
Nesta segunda, a Vigilância em Saúde emitiu um alerta dizendo que Divinópolis está no pior cenário desde o início da pandemia.
Óbitos
A assessoria de comunicação da Prefeitura informou que os três idosos tinham comorbidades e morreram neste mês de dezembro.
A vítima de 81 anos que morreu no última dia 4, tinha doença cardiovascular crônica, asma e demência, e foi admitida na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) do Complexo de Saúde São João de Deus (CSSJD) no dia 1º. A idosa teve alta do setor dois dias depois; em 2 de dezembro, fez exame com resultado IgG reagente e IgM não reagente.
O idoso de 85 anos faleceu no dia 6; ele tinha diabetes e doença renal crônica. Ele deu entrada no Hospital Santa Mônica em 29 de novembro. No mesmo dia de morte, o idoso realizou exame RT-PCR e testou positivo para a Covid-19.
Já a idosa de 69 anos estava internada no Hospital Santa Mônica; ela tinha doença cardiovascular crônica e artrite reumatoide. A vítima deu entrada na unidade no dia 17 de novembro, testou positivo para o novo coronavírus no mesmo dia após exame RT-PCR, e foi transferida para a UTI dois dias depois. Ela recebeu alta do setor no dia 26 do mesmo mês, contudo morreu no último sábado (12).
Óbitos por bairros
* Veja abaixo mais dados sobre a evolução do coronavírus na cidade.
Mortes pela doença – são 85 óbitos, 47 do sexo feminino, 38 do masculino. No informe desta segunda, não há óbitos em observação.
Pacientes recuperados – desde que a Prefeitura começou a publicar o informe, 2.601 pessoas se recuperaram da Covid-19 na cidade; 80 a mais que no boletim anterior.
Situação dos leitos
O boletim municipal também conta com a quantidade de leitos exclusivos para atendimentos a pacientes com suspeita da Covid-19. Neste informe, dos 178 leitos disponíveis – 111 são no setor de enfermaria e 67 no Centro de Tratamento Intensiva (CTI). De todos estes, 101 estão ocupados. Uma criança está internada em leito de CTI e duas em leitos de enfermaria com suspeita da doença; não foram divulgadas mais informações sobre os pacientes.
O informativo do dia 7 de dezembro apresentou nova redução de leitos em Divinópolis. Agora, são 67 leitos de CTI e 111 de enfermaria, anteriormente eram 66 e 119, respectivamente. A Prefeitura não explicou a diminuição dos leitos até a última atualização da reportagem.
Ocupação de leitos exclusivos para pacientes com suspeita da Covid-19
Casos confirmados e descartados
Nesta segunda-feira, Divinópolis contabiliza 3.017 casos confirmados de coronavírus, 85 resultados positivos a mais que o boletim de sexta-feira (11). Já a quantidade de exames suspeitos que foram descartados subiu para 1.314. Outras 174 pessoas aguardam os resultados de exames.
Dos casos confirmados de Covid-19, 1.667 foram em pessoas do sexo feminino e 1.350 em pessoas do sexo masculino.
Perfil de casos confirmados
Casos em investigação
Os dados sobre as notificações não foram atualizados nesta segunda-feira. Até sexta, a cidade tinha 22.223 notificações de pessoas aguardando resultados de exames para saberem se têm o novo coronavírus. Destas, 12.050 são do sexo feminino e 10.173 do sexo masculino. A maior parte das notificações continua de pessoas com idade entre 20 e 39 anos: 11.075 registros.
Faixa etária das notificações em Divinópolis
Dados de atendimentos e hospitalizações em Divinópolis
Prefeitura de Divinópolis/Divulgação
Outros dados
O Boletim da Prefeitura de Divinópolis divulga ainda informações sobre taxas de isolamento e letalidade, além do ritmo de contágio. Segundo Executivo, o Índice de Isolamento Social e o Ritmo de Contágio são divulgados pela plataforma “Corona Cidades”, desenvolvida pela ONG Impulso, Instituto Arapyau e Instituto de Estudos de Políticas de Saúde (IEPS), além da colaboração da empresa de tecnologia InLoco. O objetivo da plataforma é auxiliar o poder público na coleta de dados relacionados à pandemia do coronavírus no Brasil.
*Os dados foram atualizados nesta segunda-feira (14). Veja mais detalhes abaixo.
Taxa de isolamento social – O índice de Isolamento Social aponta o percentual de pessoas que se encontram em casa durante a pandemia do coronavírus. Os dados são coletados através da geolocalização de celulares e smartphones. A média percentual com dados da última semana, mostra que a taxa de isolamento social subiu para 34%, anteriormente era 33%. O número está bem abaixo do índice de isolamento recomendado pela Organização Mundial da Saúde (OMS), que é de 70%, para evitar o contágio da Covid-19.
Ritmo de contágio – Conforme dados consultados em um site do Executivo, o ritmo de contágio da doença na cidade subiu para 1,15, anteriormente era 1,14. O dado leva em consideração a quantidade média de pessoas que cada contaminado pode infectar. Se o índice ficar entre 1,65 e 2, o risco é considerado muito alto e há indicação de lockdown se a taxa de reprodutibilidade da doença passar de 2. Esse índice é um dos fatores que estão na Matriz de Mapeamento de Risco à Covid-19, que orienta as decisões do Poder Público em relação às medidas de isolamento social na cidade. Segundo a Matriz, o número é considerado de alto risco.
Taxa de letalidade – A taxa de letalidade em Divinópolis caiu para 2,82%. Este percentual considera o número de óbitos em relação ao total de casos confirmados.
Initial plugin text
Adicionar aos favoritos o Link permanente.