Anísio Maia defende voto contra Nilvan, mas não declara apoio a Cícero no 2º turno em João Pessoa


Candidato do PT ficou em 9º lugar na disputa à Prefeitura da capital, com 1,49% dos votos válidos. Foi a primeira vez que ele concorreu ao cargo de prefeito da cidade. Anísio Maia pede voto contra Nilvan mas não declara apoio a Cícero no 2º turno em João Pessoa
TV Cabo Branco/Reprodução
O candidato Anísio Maia, que disputou a Prefeitura de João Pessoa pelo PT, declarou nesta sexta-feira (20) que se posiciona contra a candidatura de Nilvan Ferreira (MDB), mas também não apoia Cícero Lucena (Progressistas) no 2º turno das eleições municipais. Anísio acompanha a nota assinada pela diretoria estadual do partido divulgada nesta quinta-feira (19).
Anísio Maia ficou em 9º lugar na eleição, com 5.431 votos, o que representa 1,49% dos votos válidos, segundo a Justiça Eleitoral.
Na nota, o partido declara que a candidatura de Nilvan Ferreira “está enraizada no subprojeto de direita e conservador implantado no Brasil”. Além disso, a nota ressalta que o candidato “é sem experiência política e que ‘surfa’ na onda fascista no país”.
“Orientamos a nossa base social e militante a votar contra Nilvan Ferreira nas eleições do segundo turno em João Pessoa, pois nossa capital e seu povo não merecem o avanço do fascismo e do conservadorismo em seu meio”, diz trecho da nota. O PT encerra afirmando que, seja qual for o resultado, o partido fará parte da oposição ao próximo governo municipal.
Cícero Lucena e Nilvan Ferreira disputam o segundo turno da eleição em João Pessoa, que foi definido na noite do domingo (15), quando o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) confirmou que os dois candidatos foram os mais votados na primeira parte da disputa para prefeito da capital.
Segundo a Justiça Eleitoral, Cícero teve 20,72% (75.610 votos válidos) e Nilvan, 16,61% (60.615 votos válidos) e irão disputar o 2º turno em 29 de novembro.
Funciona Assim – Eleições 2020
Tags .Adicionar aos favoritos o Link permanente.