Balneário Camboriú vai fiscalizar aglomerações no feriadão

Balneário Camboriú vai mobilizar mais de 300 servidores para fiscalizar as aglomerações no feriadão, entre sexta-feira (30) e segunda (2), Dia de Finados. O MPSC (Ministério Público de Santa Catarina) emitiu na última quarta-feira (28) recomendações à cidade, no intuito de conter os episódios de aglomerações vistos no último feriado.

Prefeitura de Balneário Camboriú definiu medidas de fiscalização de aglomerações durante o feriadão. – Foto: Divulgação/SECOM BC

Ao longo do calçadão da Praia Central e na Praça Tamandaré serão montadas seis tendas com profissionais da saúde e de outros setores que farão distribuição de máscaras e conscientização sobre a Covid-19. No Cemitério Municipal da Barra, onde está previsto o aumento do fluxo de pessoas, devido ao Dia de Finados, haverá monitoramento de temperatura, distribuição de álcool em gel, máscaras e uma equipe de servidores públicos orientando os visitantes.

Nos dois principais acessos da cidade, pela Avenida do Estado e na divisa com Itajaí, haverá tendas de orientação e distribuição de máscaras, além de oito ações em diferentes semáforos, para conscientização da população e dos turistas.

A fiscalização sanitária estará com reforço no efetivo, e deve contar com cerca de 60 fiscais, que vão atuar nos comércios e pontos de maior fluxo de pessoas, para evitar aglomerações e fiscalizar o uso de máscara. Nas praias agrestes haverá presença dos fiscais em rondas contínuas.

Em Balneário Camboriú, Polícia Militar e Marinha fizeram ação de fiscalização de embarcações no último feriado, de 12 de outubro. – Foto: Corpo de Bombeiros BC

Supermercados devem ter horário especial

Representantes de supermercados e a prefeitura se reuniram para definir um horário preferencial para os idosos. Entre sexta (30) e segunda-feira (02), os maiores de 60 anos terão um horário especial para acesso aos principais supermercados da cidade. Das 7h às 9h, o acesso será preferencial para idosos.

Os comércios vão intensificar as medidas de higienização dos espaços, a cobrança pelo uso de máscara, o distanciamento social e os limites da ocupação máxima do ambiente. Apoiaram a decisão as redes Fort Atacadista, Angeloni, Meschke, Koch, Imperatriz e De Angelina.

 

Tags , .Adicionar aos favoritos o Link permanente.