Candidatos de Belo Horizonte dizem o que pretendem fazer para melhorar a atenção básica nas áreas carentes


Eles falaram sobre o Programa Saúde da Família, reformas em postos de saúde e mudanças no sistema de avaliação de atendimento. UPA Venda Nova, em Belo Horizonte
Reprodução/TV Globo
O G1 está publicando uma série de reportagens sobre as propostas dos candidatos a prefeito de Belo Horizonte nas eleições 2020. A pergunta enviada aos candidatos ouvidos pela TV Globo foi: “Quais são os planos para melhorar a atenção básica nas áreas carentes?”.
Veja em ordem alfabética os candidatos acompanhados pela TV Globo: Marcelo Souza e Silva (Patriotas) e Wanderson Rocha (PSTU).
Os candidatos tinham até 50 segundos para a resposta, que deveria ser gravada pelo próprio candidato e enviada ao G1. Veja abaixo as propostas dos candidatos. Os nomes estão em ordem alfabética.
Marcelo Souza e Silva (Patriotas)
O candidato Marcelo Souza e Silva (Patriotas) pretende buscar recursos com o governo feder
O candidato Marcelo Souza e Silva (Patriotas) pretende buscar recursos com o governo federal e fazer parcerias com hospitais privados atendimentos em horários especiais. Para isso, ele pretende fortalecer o seto econômico, atraindo novos investimentos.
Wanderson Rocha (PSTU)
O candidato Wanderson Rocha (PSTU) pretende acabar com o processo de privatização da saúde
O candidato Wanderson Rocha (PSTU) pretende acabar com o processo de privatização da saúde. Com os recursos da prefeitura ele acredita ser possível construir mais leitos nos hospitais municipais. O candidato também pretende estatizar instituições filantrópicas e privadas.
Initial plugin text
Tire suas dúvidas sobre as eleições 2020:
Tags .Adicionar aos favoritos o Link permanente.

“As pessoas sempre escolherão uma história que as ajude a sobreviver e prosperar.”