Candidatos de Rio Branco dizem o que pretendem fazer para melhorar o atendimento nas unidades de saúde


Maioria das propostas pretende aumentar o horário de atendimento nas unidades de saúde do município, além de contratar mais profissionais especialistas em várias áreas. Candidatos a prefeito de Rio Branco falam sobre Saúde
Divulgação
O G1 inicia, nesta quinta-feira (15), uma série de reportagens sobre as propostas dos candidatos a prefeito de Rio Branco nas eleições 2020. Dentre as perguntas enviadas aos candidatos está uma relacionada à saúde. “Todos os anos há um deficit nas vagas das creches da capital. Para você, o que resolveria este problema?”.
Candidatos a prefeito de Rio Branco nas eleições 2020; veja os nomes
Eleições 2020: os planos dos candidatos a prefeito de Rio Branco para o transporte público
Eleições 2020: Plano de governo dos candidatos a prefeito de Rio Branco
Eleições 2020: os planos dos candidatos a prefeito de Rio Branco para a Saúde
Os candidatos tinham até 30 segundos para a resposta, que deveria ser gravada pelo próprio candidato e enviada ao G1. Veja abaixo as propostas dos candidatos. Os nomes estão em ordem alfabética, segundo a inscrição para a urna:
Daniel Zen, do PT, fala sobre Saúde
Daniel Zen (PT)
O candidato promete implantar uma segunda policlínica nos moldes do Barral y Barral, colocar pequenos centros cirúrgicos nas Unidades de Referência de Atenção Primária (Uraps) e implantar equipes com especialistas nas Uraps para para dar conta de algumas especialidades e, assim, diminuir as filas.
Jamyl Asfury, do PSC, fala sobre Saúde
Jamyl Asfury (PSC)
O candidato disse que vai colocar em prática uma lei que ele criou quando era deputado exigindo que cada unidade de saúde cumpra uma jornada de trabalho por meio de ponto eletrônico. Ele falou ainda quer pretende atender pessoas com dificuldades de locomoção ou que tenham muita idade em casa.
Jarbas Soster, do Avante, fala sobre Saúde
Jarbas Soster (Avante)
O candidato afirma que vai trazer a iniciativa privada para melhorar o atendimento nas unidades de saúde. Ele disse que quer reduzir a fila de 30 mil pessoas, segundo ele, que esperam para serem atendidas. Com a ajuda das clínicas privadas, o candidato afirmou que vai conseguir dar agilidade aos atendimentos.
Minoru Kinpara (PSDB)
Candidato não enviou o material até o prazo estipulado pelo G1.
Roberto Duarte, do MDB, fala sobre Saúde
Roberto Duarte (MDB)
Para o candidato, o tema saúde é coisa séria, Ele disse que quer acabar com a situação de a população precisar acordar de madrugada para pegar uma ficha e ficar na fila de atendimento nas unidade de saúde. Ele quer criar o programa Terceiro Turno e estender os atendimentos nas unidades de saúde.
Socorro Neri, do PSB, fala sobre Saúde
Socorro Neri (PSB)
A candidata disse que hoje as consultas hoje são agendadas e o tempo de espera é inferior a 15 dias. Paralelo a isso, ela falou que o município trabalha com as UPAs para fazer um agendamento integrado e que na próxima gestão pretende colocar um turno intermediário de atendimento com médicos em todas as unidades de saúde.
Tião Bocalom, do PP, fala sobre Saúde
Tião Bocalom (PP)
Entre os projetos para a área da saúde, está a contratação de mais médicos nas unidades de saúde. Ele afirmou ainda que vai fazer com que os profissionais da saúde cumpram suas cargas horárias à risca além de aumentar o horário de atendimento até às 22 horas para que o trabalhador possa ter mais tempo para ser atendido.
Funciona Assim – Eleições 2020
Tags .Adicionar aos favoritos o Link permanente.

“As pessoas sempre escolherão uma história que as ajude a sobreviver e prosperar.”