Causa da morte da irmã de George Michael é revelada

 
causa-da-morte-da-irma-de-george-michael-e-revelada

Causa da morte da irmã de George Michael é revelada - Grosby Group

Segundo a imprensa inglesa, Melanie morreu após entrar em um coma diabético. Ela foi encontrada morta no dia de natal do ano passado – três anos depois de seu famoso irmão falecer – e a causa da morte da cabeleireira foi revelada

Apesar das notícias de que Melanie – cujo corpo foi encontrado em sua casa a oeste de Londres, em uma casa que pertenceu a Michael –  tenha morrido de parada cardíaca, o jornal Daily Mirror disse que a autópsia feita em março concluiu que ela sofreu uma cetoacidose diabética, uma complicação pela falta de insulina e alta taxa de açúcar.

A polícia foi chamada à casa no momento em que os paramédicos disseram que a morte não era suspeita e um relatório foi levado ao médico legista.

Ela foi enterrada no Cemitério Highgate, ao lado do cantor de Faith e de sua mãe.

Polêmicas

Recentemente, Fadi Fawaz, namorado de George Michael, contou em uma live no Facebook que tirou fotos do cantor morto. A transmissão foi apagada logo depois.

“Eu tirei fotos quando ele estava morto, após encontrá-lo gelado e azul”, teria afirmado Fawaz no vídeo, diz o Daily Star.

George e Fadi começaram a namorar em 2012. Foi ele que encontrou o corpo do músico no dia 25 de dezembro de 2016, na mansão do artista em Oxfordshire.

Na época, Fawaz afirmou que ele tinha cometido suicídio, mas depois foi provada que a morte de Michael foi por causas naturais.

Revelação

Fadi Fawaz acabou chamando a atenção de muita gente, ao usar o perfil oficial que possui, no Twitter, para falar de George Michael.

Entre outras coisas, o ex-namorado do renomado artista, que morreu em 2016, afirmou que o cantor internacional era HIV positivo.

“George Michael era HIV+. Descobrimos em Viena depois da sua doença. Ele nunca escreveu suas próprias músicas, pagava a outras pessoas para fazer a música para ele e fingia que era ele. Ele não era tão talentoso, afinal. No final, George Michael usava crack, usando uma garrafa de Evian”, chegou a escrever Fadi.

“Não fui hackeado. Sou eu”, também escreveu o ex-amado de George, ao compartilhar uma selfie que fez.