Chromecast agora tem sistema ‘smart’ Google TV e controle remoto


Além de acessório que adiciona funções a televisores antigos, companhia anunciou novo alto-falante inteligente e smartphones da linha Pixel. Não há previsão para a chegada dos produtos no Brasil. Novo Chromecast roda Google TV. Produto ainda não tem data para ser lançado no Brasil.
Reprodução/Google
O Google lançou nesta quarta-feira (30) uma nova versão do Chromecast, acessório que adiciona funcionalidades de smart TV a televisores antigos, um novo alto-falante Nest e dois novos smartphones Pixel.
A empresa não deu detalhes de preços no Brasil e disse que não há previsão para a chegada dos aparelhos ao país.
A maior novidade do novo Chromecast é que ele não dependerá mais de um smartphone para funcionar e passa a rodar o Google TV.
O Google TV tem uma interface parecida com a que encontramos em Smart TVs, com mecanismo de busca de conteúdos, loja de aplicativos e outros recursos.
Com isso, ele também ganhou um controle remoto, que além dos botões tradicionais de controle de volume e navegação, traz atalhos para serviços de streaming e acesso ao assistente de voz. Nas gerações anteriores, o acessório era controlado apenas pelo smartphone.
O aparelho é conectado na entrada HDMI de televisores e concorre com o Amazon Fire TV Stick e Apple TV.
Nos Estados Unidos, o Chromecast com Google TV entrou em pré-venda com preço oficial de US$ 49,99 (cerca de R$ 280 em conversão direta). Ainda não há preços para o Brasil.
Durante o evento, a fabricante disse que planeja lançá-lo em outros mercados ainda em 2020. Embora gerações anteriores tenham sido lançadas no Brasil, a companhia afirmou ainda não ter previsão para a chegada da novidade por aqui.
Google Nest Audio
Google Nest Audio é o novo alto-falante inteligente da marca.
Reprodução/Google
O Google também mostrou um novo Nest, alto-falante inteligente que conta com o assistente digital da empresa.
O produto é voltado para quem procura som mais potente do que o Nest Mini, que é comercializado no Brasil.
A companhia diz que ele é 75% mais alto e tem um grave 50% mais forte do que o seu primeiro alto-falante.
O Google também afirma que o dispositivo responde mais rápido aos comandos de voz. Com ele é possível pedir para tocar música, controlar objetos inteligentes, obter informações sobre o clima, entre outras funções.
Assim como o novo Chromecast, o Google disse que não há previsão para a chegada do produto no Brasil. Nos EUA, ele custará US$ 99,99 (R$ 562).
Novos smartphone Pixel
Pixel 5, novo smartphone fabricado pelo Google.
Divulgação/Google
Os últimos lançamentos foram dois novos smartphone Pixel, ambos com suporte às redes 5G.
Essa linha de aparelhos não é vendida no Brasil.
Fabricada pelo próprio Google, o Pixel conta com uma versão “pura” do Android e recebe atualização por mais tempo do que aparelhos de outras fabricantes.
Uma das novidades é o Pixel 5, com tela OLED de 6 polegadas com resolução Full HD. O painel também tem suporte para HDR10+ e taxa de atualização de 90 Hz, que apresenta animações mais fluídas.
A ficha técnica incluir um Snapdragon 765G, 8 de RAM, 128 GB de armazenamento e bateria de 4.080 mAh.
Os modelos fabricados pelo Google se destacam pela qualidade da câmera, graças à inteligência artificial da empresa que “melhora” a captação das imagens.
Em termos técnicos, o sensor principal tem 12.2 MP com abertura f/1.7, e uma lente secundária grande-angular com resolução de 16 MP. A câmera de selfies promete fotos melhores no “Modo Retrato”.
O Pixel 5 será vendido nos EUA por US$ 699, (cerca de R$ 3.945).
Pixel 4A 5G tem visual muito parecido com o Pixel 5, mas tem tela maior.
Divulgação/Google
O outro lançamento foi o Pixel 4A com 5G, com os mesmos recursos de câmera do Pixel 5A.
Ele tem tela OLED de 6,2 polegadas com resolução Full HD, processador Snapdragon 765G, 6 GB de memória RAM e bateria de 3.885 mAh. Ele será vendido nos EUA por US$ 499, (cerca de R$ 2.815).
Assista os últimos vídeos de tecnologia do G1
Tags .Adicionar aos favoritos o Link permanente.

“As pessoas sempre escolherão uma história que as ajude a sobreviver e prosperar.”