Conheça as propostas para cultura, esporte e lazer dos candidatos em Florianópolis

O ND+ segue visitando as propostas dos candidatos à prefeitura de Florianópolis. Depois de analisar as ideias para educação, economia, turismo e mobilidade, dessa vez, observamos as propostas para Cultura, esporte e lazer. Nas buscas, também tentamos identificar ideias como a criação de quadras e academias ao ar livre, áreas destinadas ao esporte de praia e incentivo a eventos livres.

Um dos mais atingidos pela pandemia, setor de cultura precisa de políticas específicas para voltar a sorrir – Foto: Divulgação/ND

Os candidatos têm ideias bem diferentes nesses setores. Um deles pretende liberar o acesso a praias assim que tomar posse e criar o bolsa atleta. Outra candidata quer o fim da violência policial nas batalhas de rap e manifestações culturais.

Outro quer realizar um evento de música de grande porte, com atrações locais, nacionais e estrangeiras. E uma das postulantes à prefeitura quer fortalecer as tradições, festas e o jeito de ser do ilhéu.

Para saber o que as dez candidaturas pensam e querem para Florianópolis nas áreas de cultura, esporte e lazer, siga a leitura!

Alexander Brasil (PRTB)

Liberar o acesso a praias; valorização da maricultura e adequação de espaços nos bairros para eventos culturais, por exemplo, shows e apresentações de danças.

No esporte, Alexander Brasil quer dar apoio aos CACs (Caçadores, Atiradores e Colecionadores), incentivar atletas olímpicos e paralímpicos; criar o bolsa atleta – em parceria com a iniciativa privada – e implementar um calendário de competições náuticas.

Angela Amin (Progressistas)

Fortalecer as tradições, festas e o conjunto arquitetônico do centro histórico. Para ela, a criação de ambientes favoráveis à saúde, práticas de esporte e lazer trazem benefícios, por exemplo, autoestima e redução do estresse.

Na área de esporte e lazer, Angela Amin quer fazer a manutenção dos espaços públicos, por exemplo, ginásios, praças, parques e ciclovias. Pretende criar programas que democratizam a prática contribuindo para que a população se mantenha ativa.

Dr. Ricardo (Solidariedade)

O candidato solicitou a substituição do arquivo com suas propostas de governo. O novo documento não abrange propostas para área de cultura, esporte e lazer. A menção a área de cultura está no seguinte trecho:

“Fomentar no município a educação habilitadora para um futuro pleno, com inclusão digital, geradora de conhecimento, prosperidade, sabedoria e cultura para todos”.

Dr. Ricardo também fala em promover a ocupação sustentável da cidade.

Gabriela Santetti (PSTU)

A candidata é a favor do direito à cultura e à informação. Quer a ampliação do financiamento à cultura e todas as artes; administração de todos os equipamentos culturais pelos Conselhos populares e a ampliação da rede municipal de Bibliotecas!

Segundo a proposta de Gabriela Santetti, é preciso uma biblioteca pública por bairro. Ela também se diz a favor do direito à expressão artística e quer o fim da violência policial nas batalhas de rap e manifestações culturais.

Gean (DEM)

Fomentar o empreendedorismo cultural e políticas culturais inclusivas; fomentar a cultura no âmbito escolar e no contraturno, resgatando as oficinas culturais, ressignificando a relação escola-comunidade.

Na área de esporte e lazer, Gean quer ampliar projetos esportivos de integração social, formação esportiva e inclusiva e integrá-los com as áreas da educação, saúde e segurança pública. Além disso, propor projetos para sediar competições estaduais e nacionais.

Helio Bairros (Patriota)

O candidato acredita que Florianópolis merece ter um festival de música com nome próprio, com espaços para bandas locais, nacionais e estrangeiras; quer dar mais publicidade aos festivais de dança, Santa Catarina Dança e Prêmio Desterro.

Na área de esporte, Helio Bairros quer realizar mais campanhas a favor da prática de atividades, realizar parcerias com academias, clubes ou outras entidades para mostrar os benefícios de uma vida saudável e ativa.

Jair Fernandes (PCO)

A proposta do candidato Jair Fernandes não contempla temas de cultura, esporte e lazer.

Orlando (Novo)

A proposta do candidato não menciona a área de cultura. As menções ao esporte na proposta de Orlando estão na área de educação.

Pedrão (PL)

Tornar Florianópolis a Capital Nacional da Cultura, incentivando eventos de cunho cultural dos mais diferentes níveis: parada cultural, mostra florianopolitana de cultura, shows e eventos de cunho cultural.

Na área de esporte, Pedrão quer ampliar as modalidades nos projetos de iniciativa esportiva; garantir o pagamento integral do bolsa atleta e apoiar a implantação de equipamentos públicos para a prática esportiva e de lazer, atendendo às demandas locais.

Professor Elson (PSOL)

Valorizar o espaço público, ampliando a promoção de atividades culturais, de lazer e turísticas; valorizar a cultura popular e artistas locais por meio de editais específicos, garantindo a permanência de programas de apoio à cultura em Florianópolis.

Elson também quer fortalecer o uso dos espaços culturais, por exemplo, o Teatro da Ubro com ações articuladas entre o município e espaços culturais estaduais e federais sediados em Florianópolis.

Tags , .Adicionar aos favoritos o Link permanente.