Conheça quem são os candidatos a vice-prefeito nas eleições em Taubaté

Adriana Mussi (MDB) e Tenente Coronel Paulo (Cidadania) integram as chapas de Saud e Loreny, respectivamente, e concorrem ao pleito no próximo domingo (29) Conheça os candidatos a vice das chapas do 2 turno em Taubaté
As chapas que concorrem ao executivo são compostas pelo candidato a prefeito e seu vice. Na corrida para o paço neste segundo turno em Taubaté estão Loreny (Cidadania) e Saud (MDB). Na chapa da vereadora está o Tenente Coronel Paulo, que tem commo bandeira a segurnaça pública. E na de Saud, Adriana Mussi (MDB), que atua como conselheira tutelar.
O segundo turno em Taubaté acontece no próximo dia 29 de novembro. No primeiro, Saud (MDB) e sua vice Adriana Mussi (MDB) tiveram 41.201 (28,81%). Enquanto Loreny (Cidadania) e Ten. Coronel Paulo (Cidadania) registraram 36.333 votos (25,40%).
Veja abaixo perfil dos dois candidatos a vice-prefeito na cidade:
Adriana Mussi (MDB)
Adriana Lucci Mussi é candidata a vice-prefeita da chapa do candidato Saud (MDB). Ela é natural de Taubaté, tem 52 anos e é casada. Atualmente é a presidente do Conselho Tutelar da cidade, onde cumpre o terceiro mandato como conselheira.
“Quero cuidar da nossa gente. É um trabalho que eu sempre fiz como voluntária em ONGs, com grupo de amigos, há muitos anos em Taubaté. Estando como vice-prefeita, vou ter uma amplitude maior desses cuidados, não só com mulheres, crianças e adolescentes, mas num todo”, afirmou Adriana Mussi.
Ten. Coronel Paulo (Cidadania)
Paulo José Ribeiro da Silva é candidato a vice-prefeito na chapa da candidata Loreny (Cidadania). Ele tem 57 anos, nasceu em Teresina, no Piauí, e se mudou para Taubaté em 1982. Na cidade, ingressou na Polícia Militar onde construiu quase toda a vida profissional.
“[Quero cuidar] da prevenção primária e da violência, pela educação, pelo esporte, pela cultura, pelo lazer, pela música e principalmente pela ocupação dos espaços públicos, utilizando os jovens e as crianças, retirando a possibilidade dessas crianças serem levadas ao crime organizado”, disse.
Tags .Adicionar aos favoritos o Link permanente.