Covid-19: Projeto que prevê implantação de ‘Velório Virtual’ é aprovado pela Câmara de Uberlândia


Proposta apresentada pelo vereador Marcelo Cunha autoriza a transmissão ao vivo de velórios via internet com custos para as prestadoras do serviço. Prefeito poderá sancionar ou vetar. Para evitar aglomerações em velórios, Câmara de Uberlândia aprova projeto que autoriza transmissão ao vivo
Fernanda Vieira/G1
Foi aprovado pela Câmara de Uberlândia nesta quinta-feira (19), o Projeto de Lei Ordinária que prevê a implantação do “Velório Virtual” durante a pandemia de Covid-19. A proposta apresentada pelo vereador Marcelo Cunha (PMB) autoriza que prestadores de serviço funerário transmitam ao vivo imagens do velório aos familiares das pessoas falecidas. O texto foi aprovado por maioria simples durante sessão remota do Legislativo.
De acordo com o autor do projeto, a transmissão ocorrerá por meio de sistema elaborado pelo serviço funerário e deverá contar com acesso via senha aos familiares que concordarem com a divulgação das imagens. As funerárias não poderão cobrar pelo serviço.
“As imagens em tempo real serão transmitidas por câmeras instaladas dentro de cada sala, onde o corpo da pessoa falecida está sendo velado”, afirmou Marcelo Cunha.
Ainda segundo o vereador, todas as despesas de instalação e disponibilização do serviço serão de responsabilidade das empresas.
Agora, o projeto será enviado para o prefeito Odelmo Leão (PP), que pode sancionar ou vetar a proposta.
Tags .Adicionar aos favoritos o Link permanente.