Desembargador Rubens Schulz contra: 4 a 3

O desembargador Rubens Schulz começou seu voto dizendo que acompanharia os votos dos outros tres magistrados, já antecipando posição contraria ao impeachment do governador e da vice.
Elogiou o relatório do deputado Kennedy Nunes fez uma intervenção de improviso, embora seu voto tivesse 90 páginas.
Fundamentou sua posição com base na tese da matéria transitada em julgado.
Com o novo voto, 4 a 3 contra o impeachment.

Tags , .Adicionar aos favoritos o Link permanente.