Em visita ao RS, ministro Salles anuncia previsão de investimento de R$ 270 milhões na concessão de parques nacionais por 30 anos


Área na divisa do Rio Grande do Sul com Santa Catarina vai ser concedida à iniciativa privada. Ministro ressaltou que futuro concessionário poderá indicar formas de investimento. Ricardo Salles assinou a autorização de publicação do edital de concessão dos parques nacionais
Roger Ruffato/RBS TV
O governo federal prevê investimentos de R$ 270 milhões ao longo de 30 anos no edital de concessão dos parques de Aparados da Serra e Serra Geral, na divisa entre Rio Grande do Sul com Santa Catarina, informou o ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, em visita a Cambará do Sul, na serra gaúcha, nesta quarta-feira (14).
Do total previsto, R$ 14 milhões deverão ser investidos nos primeiros quatro anos de contrato, afirmou o ministro.
Salles assinou a autorização para publicação do edital, que deve sair na quinta (15). Durante a visita, o ministro disse que o processo possibilitará que os permissionários indiquem de que forma o valor será investido.
Segundo ele, trata-se de um novo modelo de concessão, que o ministério acredita que pode trazer mais interessados em assumir o local.
“Há nesse especial desenho do novo modelo de concessão uma abertura muito grande para que os operadores, os concessionários possam indicar outras formas de investimento. Essa talvez seja a grande diferença do modelo que se implementa agora”.
De acordo o ministro, as atividades a serem sugeridas pelos permissionários deverão respeitar as regras ambientais, o plano de manejo e a conservação dos parques.
O edital estabelece obrigações, como manutenção de brigada de incêndio, monitoramento ambiental e manejo de espécies, programa de voluntariado, entre outros.
O projeto de concessão dos parques nacionais foi anunciado pelo ministro em 2019, durante visita ao RS. Na ocasião, Salles informou que as Florestas Nacionais de Canela e São Francisco de Paula também deverão ser concedidas.
Durante a visita desta quarta, o ministro comentou que “em breve” as florestas e outras regiões do Brasil serão contempladas por esse novo modelo de concessões.
Ministro do Meio Ambiente chega ao Parque Nacional de Aparados da Serra, em Cambará do Sul
Tags .Adicionar aos favoritos o Link permanente.

“As pessoas sempre escolherão uma história que as ajude a sobreviver e prosperar.”