Está pensando em empreender? Veja oito passos para abrir sua empresa


Plataforma gratuita e 100% digital, a Jornada Empreendedora do Sebrae tem trilhas para todas as fases de um negócio Em 2020, o plano B já virou plano A para mais de 600 mil brasileiros. O Ministério da Economia aponta que, somente em julho, 250 mil empresas foram abertas no país. Isso quer dizer que os desafios trazidos pela pandemia estão redesenhando a economia formal a partir de novos negócios conduzidos por gente como você. Não é exatamente uma novidade: o trabalho por conta própria já vinha crescendo nos últimos sete anos – em 2019, aumentou quase 30%, segundo o IBGE.
Você está pensando em se juntar a todas essas pessoas para superar um ano cheio de contrastes? A Jornada Empreendedora do Sebrae é uma plataforma digital, 100% gratuita, com todas as informações necessárias para qualquer fase do seu negócio.
Empreender em oito passos
É comum que, no momento de registrar a empresa, muita gente não saiba onde ela se encaixa. Comércio? Prestação de serviços? Consultoria? Descobrir o propósito da sua vontade de empreender é o que a Jornada Empreendedora chama de autodescoberta. É a partir dela que surgem outras respostas para tirar sua ideia do papel.
Para criar negócios com valor, rentabilidade e saúde financeira, toda a Jornada foi dividida em trilhas. São oito passos repletos de conteúdo, atividades e histórias compartilhadas por quem está em diferentes momentos da vida profissional.
Saiba um pouco mais sobre cada uma das trilhas da Jornada Empreendedora do Sebrae.
Autodescoberta. Nem sempre empreender significa ter um espaço comercial físico para chamar de seu. Talvez você possa trabalhar em casa, prestar serviços em outras empresas mudar de carreira. Nesta trilha, o Sebrae propõe um exercício importante: o de entender quem você é e qual o seu papel no mundo dos negócios.
Conquiste sua confiança criativa. “Ah, como eu queria ter pensado nisso antes!”. Esses lampejos que surgem quando você se depara com um negócio tão simples e tão genial são resultado de muito trabalho criativo. Pode até parecer que as ideias aparecem em sonho, mas na prática, a criatividade para empreender precisa ser exercitada, estimulada e compartilhada. Com conteúdos inspiradores e atividades multidisciplinares, essa trilha vai te ajudar a organizar seus insights.
O primeiro passo para empreender. Hora da ação: nessa trilha você vai perceber desafios e descobrir oportunidades no universo dos negócios. Saiba que você não está sozinho – o Brasil tem mais de 25 milhões de empreendedores em estágio inicial e 2,2 milhões em fase nascente, ou seja, começando a planejar o futuro a partir daquela ideia engavetada. Aqui, você terá conteúdo, atividades e apoio para dar sequência à sua jornada.
Da empatia à proposta de valor. O perfil do consumidor brasileiro muda a todo instante. Com a pandemia, essa mudança é ainda mais rápida – basta ver o crescimento dos serviços de delivery, que foi de 94% nos primeiros meses do ano. Nessa trilha, o Sebrae ensina como identificar as oportunidades e entregar ao seu cliente aquilo que ele está buscando.
Modelando seu negócio. Estoque? Capital de giro? Funcionários? Descubra o que você realmente precisa colocar na bagagem antes de dar partida. A proposta dessa trilha é ajudar a desenhar seu canvas de forma didática e acompanhada pelos especialistas do Sebrae.
Venda seu peixe. Em média, 11% do orçamento de uma empresa é destinado ao marketing, diz uma pesquisa feita pela consultoria Gartner. Essa trilha foi desenvolvida para que você entenda melhor sua estratégia de divulgação. É para descobrir como deixar seu negócio rentável a partir do elemento mais importante da equação: a venda!
Gerir é preciso. Segundo o IBGE, seis em cada dez empresas brasileiras fecham antes de completar cinco anos. É porque fazer a gestão de um negócio demanda conhecimento técnico, jogo de cintura e atualização constante. A Jornada Empreendedora do Sebrae preparou essa trilha para que todos os empreendedores, novos ou experientes, possam continuar crescendo e se superando.
Formalizar é legal. Mas a abertura do CNPJ fica por último? Não necessariamente, mas é importante saber que o processo de formalização tem alguns custos, como cartório, contador e despesas bancárias. Esta trilha traz um guia prático para quem já cumpriu todas as fases da Jornada e para quem só está precisando formalizar um negócio existente. Abrir uma empresa é uma responsabilidade, mas tem muitas vantagens: você pode contratar pessoas, emitir nota fiscal e contribuir com o INSS. É uma garantia importante para superar este momento e todos os outros que ainda vão surgir.
Não importa em qual momento do caminho você está, o Sebrae tem a trilha certa para seu negócio. Conheça a Jornada Empreendedora: é gratuita, on-line e está à sua espera. Clique aqui e acesse.
Tags .Adicionar aos favoritos o Link permanente.

“As pessoas sempre escolherão uma história que as ajude a sobreviver e prosperar.”