Ex-ministro de Defesa do México é detido nos EUA a pedido de agência antidrogas


Salvador Cienfuegos, de 72 anos, viajava com a família para Los Angeles; imprensa mexicana fala em investigação de corrupção por narcotráfico. O ex-ministro da Defesa Nacional do México, Salvador Cienfuegos, ocupou o cargo entre 2012 e 2018
Daniel Becerril/Reuters/Arquivo
O ex-ministro da Defesa do México, Salvador Cienfuegos, foi detido nesta quinta-feira (15) nos Estados Unidos ao desembarcar no aeroporto de Los Angeles. A detenção faz parte de uma investigação liderada pela agência norte-americana de combate às drogas (DEA).
Cienfuegos comandou a Defesa mexicana durante o governo do ex-presidente Enrique Peña Nieto, marcado por enfrentamentos armados contra cartéis em todo o país. Vários dos ex-funcionários de alto escalão do México foram acusados de ter relação com os narcotraficantes.
A detenção acontece a menos de três semanas das eleições presidenciais dos EUA. O presidente Donald Trump fez da repressão às drogas um dos seus principais objetivos políticos, ainda que tenha avançado pouco nesta área desde que assumiu o cargo em 2017.
O chanceler mexicano, Marcelo Ebrard, disse em uma rede social ter sido informado da prisão pelo embaixador dos EUA no México. Ele não confirmou o motivo da detenção e disse que o cônsul mexicano em Los Angeles deverá repassar as acusações durante esta sexta.
A revista mexicana “Proceso” publicou que a detenção foi “resultado de uma investigação de corrupção por narcotráfico de vários anos”. De acordo com a revista, que cita fontes do governo norte-americano, o general era investigado no país “há pelo menos 10 anos”.
Fontes diplomáticas disseram à agência Reuters que Cienfuegos, que tem 72 anos, viajava com a família. Essa detenção do ex-ministro nos EUA é a segunda de um alto funcionário da administração Peña Nieto, que também enfrenta acusações de corrupção.
O ex-secretário de Segurança Pública do México, Genaro García Luna, acusado de conspiração para traficar ao menos 53 toneladas de cocaína aos Estados Unidos, foi detido em Dallas (Texas) em dezembro de 2019 e está preso em Nova York.
VÍDEOS mais vistos da semana
Tags .Adicionar aos favoritos o Link permanente.

“As pessoas sempre escolherão uma história que as ajude a sobreviver e prosperar.”