Florianópolis intensifica fiscalização com multas em praias e comércios no feriadão

A Prefeitura de Florianópolis informou que irá intensificar as fiscalizações em bares, restaurantes, praias e até em cemitérios durante o feriadão de Finados.

A Vigilância Sanitária da Capital e a GMF (Guarda Municipal de Florianópolis) vão atuar em conjunto para impedir os descumprimentos das medidas sanitárias contra a Covid-19. Entre elas: aglomerações, não uso de máscaras e não cumprimento do distanciamento social.

Florianópolis irá reforçar fiscalização em praias durante feriado – Foto: Anderson Coelho/ND

As equipes de plantão serão ampliadas para atender denúncias, simultaneamente, em diferentes áreas da cidade.

Quem descumprir as medidas sanitárias, pode receber uma multa de até R$ 1.250,00, de acordo com informações da Secretaria de Saúde da Capital.

O reforço na fiscalização também será implementado pelas outras prefeituras da Grande Florianópolis.

Caso a população queira denunciar algum descumprimento das medidas, entrar em contato com a Guarda Municipal pelo 153, Polícia Militar pelo número 190, ou na aba “Denúncias Vigilância Sanitária do Covidômetro.

Orientação em cemitérios

Para a visitação em cemitérios durante o fim de semana e, principalmente, na segunda-feira (2), a Vigilância Sanitária solicitou que os locais se atentem aos seguintes pontos:

  • Uso de máscaras sem permissão de entrada sem a mesma;
  • Distanciamento social de 1,5 metros entre
    todas as pessoas;
  • Recomenda-se que pessoas com mais de 60 anos ou que
    sejam de grupo de risco não compareçam aos cemitérios;
  • Cultos e celebrações devem ser realizadas preferencialmente
    ao ar livre. Caso ocorram nos templos religiosos deverá ser
    respeitada a capacidade de ocupação de 50% dos espaços,
    mantendo o ambiente ventilado naturalmente, com uso
    obrigatório de máscaras por todos os participantes e garantido o distanciamento social de 1,5 metros entre todas as pessoas;
  • O comércio ambulante no entorno dos cemitérios não deve
    estimular a aglomeração de pessoas, devendo organizar suas
    filas de modo a garantir o distanciamento social de 1,5 metros de distância entre todas as pessoas;
  • Recomenda-se a permanência pelo menor tempo possível no
    cemitério para prestar homenagens;
  • Devem ser disponibilizados locais para higienização das mãos, com água corrente, sabonete líquido e papel toalha e/ou dispensers com álcool 70% em locais de fácil acesso.

Medidas vêm após cobrança do MPSC

Nesta quarta-feira (28), O MPSC (Ministério Público de Santa Catarina) emitiu recomendações a Florianópolis, no intuito de conter os episódios de aglomerações vistos no último feriado.

Foi dado um prazo de 48h para o município aplicar uma série de medidas com objetivo de frear a disseminação do novo coronavírus.

A 33ª Promotoria da Capital, na representação do promotor Luciano Trierweiler Naschenweng, consolida suas justificativas a partir de uma série de evidências, desde o decreto de pandemia estipulado pela OMS (Organização Mundial da Saúde), em 30 de janeiro, até o movimento registrado na praia de Canasvieiras, nesta quarta-feira (28), dia de temperatura alta em todo o Estado aliado ao dia do Servidor Público.

Praia de Canasvieiras registrou intensa movimentação – Foto: Guarda Municipal/Divulgação

O documento lembra a situação do Mapa de Risco onde a capital está inserida, bem como a ocupação dos leitos da UTI, que na manhã desta quinta-feira (29), está em 86,8% em Florianópolis.

“Considerando que em todos os feriados são registrados diversos focos de aglomeração de pessoas, sem o uso de máscara em espaços públicos como praias, praças e bares que funcionaram em contrariedade à proibição do exercício da atividade”, salienta um trecho da determinação.

A partir de tudo isso o MPSC recomendou “com urgência”, em intervalo máximo de 48h, a elaboração de um estudo para que regras sejam impostas – e devidamente publicizadas – a fim de evitar a repetição destes mesmos cenários.

A orientação do Ministério Público de Santa Catarina foi direcionada, também, ao município de Balneário Camboriú, outro local de alta procura durante os feriados.

Tags , .Adicionar aos favoritos o Link permanente.