Ibope: 54% dos eleitores da cidade de SP dizem que já assistiram à propaganda eleitoral na TV


A maioria dos entrevistados também afirmou que comparecerá ao local de votação no dia 15 de novembro, mesmo levando em conta a pandemia do coronavírus. Levantamento foi feito com 1.204 eleitores da cidade de São Paulo entre 28 e 30 de outubro. Pessoa segurando controles remotos com aparelho de televisão ao fundo.
Caio Rocha/Estadão Conteúdo
Pesquisa Ibope divulgada pela TV Globo e pelo jornal “O Estado de S. Paulo” nesta sexta-feira (30) mostra que a maioria dos eleitores de São Paulo já assistiram à propaganda eleitoral gratuita dos candidatos à prefeitura da cidade pela televisão.
A propaganda eleitoral gratuita na televisão e rádio começou no dia 9 de outubro e vai até o dia 12 de novembro. Questionados pelo Ibope se já assistiram ao programa eleitoral ou às inserções de propaganda dos candidatos ao longo da programação, as respostas dos entrevistados foram:
Assistiu: 54%
Não assistiu: 45%
Não sabe ou não respondeu: 0%
Votação na pandemia
A maioria dos entrevistados também afirmou que comparecerá ao local de votação no dia 15 de novembro, mesmo levando em conta a pandemia do coronavírus e as medidas restritivas de proteção. As respostas foram:
Com certeza comparecerá para votar: 82%
Ainda está em dúvida se comparecerá para votar: 12%
Não comparecerá para votar de jeito nenhum: 6%
Não sabe/ Não respondeu: 0%
Atributos dos candidatos

O Ibope também questionou os eleitores sobre quais atributos descrevem melhor alguns candidatos à Prefeitura de São Paulo. As respostas permitiam que mais de um concorrente fosse apontado.
Conhece bem os problemas de São Paulo:
Bruno Covas (PSDB): 36%
Celso Russomanno (Republicanos): 23%
Márcio França (PSB): 12%
Guilherme Boulos (PSOL): 11%
Jilmar Tatto (PT): 4%
Arthur do Val (Patriota): 2%
Andrea Matarazzo (PSD): 2%
Joice Hasselmann (PSL): 1%
Orlando Silva (PCdoB): 1%
Antonio Carlos (PCO): 0%
Levy Fidelix (PRTB): 0%
Filipe Sabará [desistiu da candidatura]*: 0%
Marina Helou (Rede): 0%
Vera Lúcia (PSTU): 0%
Todos: 5%
Nenhum: 10%
Não sabe/ Não respondeu: 7%
Tem ideias novas para resolver os problemas:
Bruno Covas (PSDB): 21%
Celso Russomanno (Republicanos): 21%
Guilherme Boulos (PSOL): 16%
Márcio França (PSB): 13%
Jilmar Tatto (PT): 4%
Arthur do Val (Patriota): 4%
Joice Hasselmann (PSL): 3%
Andrea Matarazzo (PSD): 2%
Orlando Silva (PCdoB): 1%
Filipe Sabará [desistiu da candidatura]*: 1%
Marina Helou (Rede): 1%
Antonio Carlos (PCO): 0%
Levy Fidelix (PRTB): 0%
Vera Lúcia (PSTU): 0%
Todos: 1%
Nenhum: 13%
Não sabe/ Não respondeu: 10%
Tem mais poder, mais força para decidir as coisas:
Bruno Covas (PSDB): 37%
Celso Russomanno (Republicanos): 23%
Márcio França (PSB): 12%
Guilherme Boulos (PSOL): 7%
Jilmar Tatto (PT): 4%
Joice Hasselmann (PSL): 3%
Arthur do Val (Patriota): 2%
Andrea Matarazzo (PSD): 1%
Antonio Carlos (PCO): 0%
Filipe Sabará [desistiu da candidatura]*: 0%
Levy Fidelix (PRTB): 0%
Marina Helou (Rede): 0%
Orlando Silva (PCdoB): 0%
Vera Lúcia (PSTU): 0%
Todos: 0%
Nenhum: 10%
Não sabe/ Não respondeu: 10%
Representa mudança:
Celso Russomanno (Republicanos): 22%
Bruno Covas (PSDB): 20%
Guilherme Boulos (PSOL): 16%
Márcio França (PSB): 12%
Arthur do Val (Patriota): 5%
Jilmar Tatto (PT): 4%
Joice Hasselmann (PSL): 4%
Andrea Matarazzo (PSD): 2%
Levy Fidelix (PRTB): 1%
Orlando Silva (PCdoB): 1%
Filipe Sabará [desistiu da candidatura]*: 1%
Marina Helou (Rede): 1%
Antonio Carlos (PCO): 0%
Vera Lúcia (PSTU): 0%
Todos: 0%
Nenhum: 14%
Não sabe/Não respondeu: 7%
Tem pulso firme e determinação para enfrentar os desafios:
Celso Russomanno (Republicanos): 22%
Bruno Covas (PSDB): 20%
Guilherme Boulos (PSOL): 16%
Márcio França (PSB): 12%
Arthur do Val (Patriota): 5%
Jilmar Tatto (PT): 4%
Joice Hasselmann (PSL): 4%
Andrea Matarazzo (PSD): 2%
Levy Fidelix (PRTB): 1%
Orlando Silva (PCdoB): 1%
Filipe Sabará [desistiu da candidatura]*: 1%
Marina Helou (Rede): 1%
Antonio Carlos (PCO): 0%
Vera Lúcia (PSTU): 0%
Todos: 0%
Nenhum: 14%
Não sabe/Não respondeu: 7%
Tem experiência para administrar a cidade:
Bruno Covas (PSDB): 40%
Márcio França (PSB): 19%
Celso Russomanno (Republicanos): 18%
Guilherme Boulos (PSOL): 8%
Jilmar Tatto (PT): 5%
Andrea Matarazzo (PSD): 3%
Joice Hasselmann (PSL): 2%
Arthur do Val (Patriota): 1%
Orlando Silva (PCdoB): 1%
Levy Fidelix (PRTB): 0%
Filipe Sabará [desistiu da candidatura]*: 0%
Marina Helou (Rede): 0%
Antonio Carlos (PCO): 0%
Vera Lúcia (PSTU): 0%
Todos: 1%
Nenhum: 11%
Não sabe/Não respondeu: 8%
Tem capacidade de liderança:
Bruno Covas (PSDB): 33%
Celso Russomanno (Republicanos): 22%
Márcio França (PSB): 16%
Guilherme Boulos (PSOL): 12%
Jilmar Tatto (PT): 4%
Arthur do Val (Patriota): 3%
Joice Hasselmann (PSL): 3%
Andrea Matarazzo (PSD): 2%
Levy Fidelix (PRTB): 1%
Filipe Sabará [desistiu da candidatura]*: 1%
Marina Helou (Rede): 1%
Orlando Silva (PCdoB): 0%
Antonio Carlos (PCO): 0%
Vera Lúcia (PSTU): 0%
Todos: 0%
Nenhum: 10%
Não sabe/Não respondeu: 9%
Intenção de voto
A pesquisa Ibope também apontou os seguintes percentuais de intenção de voto para a Prefeitura de São Paulo nas Eleições 2020:
Bruno Covas (PSDB): 26%
Celso Russomanno (Republicanos): 20%
Guilherme Boulos (PSOL): 13%
Márcio França (PSB): 11%
Jilmar Tatto (PT): 6%
Arthur do Val – Mamãe Falei (Patriota): 3%
Joice Hasselmann (PSL): 2%
Andrea Matarazzo (PSD): 1%
Levy Fidelix (PRTB): 1%
Orlando Silva (PCdoB): 1%
Filipe Sabará [desistiu da candidatura]*: 1%
Branco/nulo: 10%
Não sabe/Não respondeu: 5%
Vera Lúcia (PSTU), Marina Helou (Rede) e Antonio Carlos Silva (PCO) tiveram menos de 1%.
Sobre a pesquisa
Margem de erro: 3 pontos percentuais para mais ou para menos;
Quem foi ouvido: 1.204 eleitores da cidade de São Paulo;
Quando a pesquisa foi feita: de 28 a 30 de outubro;
Número de identificação na Justiça Eleitoral: SP-01331/2020;
A pesquisa foi encomendada pela TV Globo e pelo jornal “O Estado de S. Paulo”
O nível de confiança utilizado é de 95%. Isso quer dizer que há uma probabilidade de 95% de os resultados retratarem o atual momento eleitoral, considerando a margem de erro.
Pesquisas eleitorais: o que é amostra, margem de erro e nível de confiança.
*O Ibope afirma que a renúncia à candidatura de Sabará foi formalizada durante o período de campo da pesquisa, portanto, seu nome ainda constava no questionário.
VÍDEOS: Tire dúvidas sobre as eleições 2020
Initial plugin text

Tags .Adicionar aos favoritos o Link permanente.