Ítalo Guedes e PSOL decidem não apoiar nenhum candidato no 2º turno em João Pessoa


Candidato do Psol à Prefeitura da capital teve 2.403 votos, 0,66%% dos votos válidos. Através de uma nota do partido, político afirma que não vai apoiar nenhum dos dois candidatos. Ítalo Guedes foi candidato do PSOL à Prefeitura de João Pessoa nas Eleições de 2020
TV Cabo Branco/Reprodução
O candidato Ítalo Guedes que disputou a Prefeitura de João Pessoa pelo partido Partido Socialismo e Liberdade (PSOL), seguiu a decisão do partido e não vai apoiar nenhum dos dois candidatos que foram para o 2º turno das eleições municipais.
Nesta quinta-feira (19), o partido postou nas redes sociais que não vai se associar às candidaturas que chegaram ao segundo turno. A assessoria do partido informou que Ítalo segue a posição do Psol.
Ítalo Guedes ficou em décimo lugar na eleição, com 2.403 votos, o que representa 0,66% dos votos válidos, segundo a Justiça Eleitoral.
Na nota, o partido afirma que o segundo turno em João Pessoa é expressão das pautas e agendas conservadoras da direita e da ultra-direita. “Nesse sentido, em respeito aos votos de confiança e em convergência com tudo que defendemos, e resolvemos, enquanto instância partidária, não apoiar nenhum dos dois representantes desta política de atraso”, diz.
Cícero Lucena (Progressistas) e Nilvan Ferreira (MDB) disputam o segundo turno da eleição em João Pessoa, que foi definido na noite do domingo (15), quando o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) confirmou que os dois candidatos foram os mais votados na primeira parte da disputa para prefeito da capital.
Segundo a Justiça Eleitoral, Cícero teve 20,72% (75.610 votos válidos) e Nilvan, 16,61% (60.615 votos válidos) e irão disputar o 2º turno em 29 de novembro.
Vídeos mais assistidos do G1 Paraíba
Tags .Adicionar aos favoritos o Link permanente.