JEC enfrenta o Marcílio Dias em jogo de vida ou morte

Vencer ou vencer. Esse é o único lema para o JEC na tarde deste sábado (21). E para isso, o Tricolor precisa quebrar um tabu que se arrasta há cinco anos e vencer o Marcílio Dias na partida que começa às 17h, na Arena Joinville.

JEC precisa vencer para manter as chances de classificação – Foto: Vitor Forcellini/JEC/Divulgação

Restando apenas duas partidas para terminar a fase classificatória desta Série D, o Joinville se vê fora do G-4 e com a possibilidade iminente de ser eliminado com uma rodada de antecedência. Por isso, não existe outro resultado na prancheta do técnico Fabinho Santos que não seja a vitória e a conquista dos três pontos que recolocam a equipe no bloco da classificação.

A derrota amarga em Ijuí jogou o Tricolor para a sexta posição, estacionado nos 16 pontos, enquanto o Marinheiro sequer teve esforço para chegar à vice-liderança, ao vencer o São Caetano por WO.

O técnico Fabinho Santos garantiu uma equipe com “garra e muita atitude” para o jogo decisivo. Com a volta de Alison, Charles, Edson Ratinho, Davi Lopes e Renan Castro, o Joinville terá força total para buscar o resultado dentro de casa.

A identidade de uma equipe ofensiva e agressiva deve ser ainda mais latente na partida deste sábado e, para isso, algumas formações foram testadas e, uma delas, deve colocar o Tricolor ainda mais à frente, com apenas um meia centralizado e três atacantes.

“Temos um jogo muito importante, então, precisamos colocar em prática o que de bom temos feito e aproveitar as oportunidades. Precisamos transformar a performance em resultado e é isso que esperamos contra esse adversário. Jogar com vontade, raça e vencer o jogo. É o único resultado que nos interessa”, fala.

Para a partida, Fabinho tem as ausências de Mayk e Gustavinho lesionados e Kaynan suspenso. Além deles, o volante Braga está fora da partida e deve ficar afastado pelos próximos meses. O atleta se lesionou em Ijuí e passará por cirurgia.

Romarinho deixa o Tricolor

A Série D ainda não terminou, mas a história de Romarinho com a camisa tricolor sim. O atacante já não foi relacionado e não faz mais parte do elenco joinvilense. Os contratos de vários atletas tricolores encerram na próxima segunda-feira (23) e o atacante pediu para não renovar com a equipe ainda na sexta-feira (20).

Romarinho foi alvo de diversas críticas da torcida tricolor, especialmente na partida diante do São Luiz, quando foi titular na ausência de Alison e não correspondeu às expectativas.

Outros jogadores devem deixar a equipe, mas os nomes ainda não foram confirmados.

Ficha técnica

JEC x Marcílio Dias

Sábado (21), às 17h

Local: Arena Joinville

Árbitro: Rodrigo José Pereira de Lima (PE)

Assistentes: Diego Berndt (SC) e Alexandre Bittencourt (SC)

Tags , .Adicionar aos favoritos o Link permanente.