Márcio França declara neutralidade no 2º turno da eleição em São Paulo


Candidato derrota do PSB disse que “reconhece méritos importantes nos 2 candidatos escolhidos para o 2º turno”, mas disse que o projeto defendido por ele na campanha “não se encontram nas propostas e nos perfis dos candidatos pré-selecionados”. O candidato do PSB, Márcio França, durante entrevista em São Paulo.
Fernanda Luz/Divulgação
O candidato derrotado do PSB à Prefeitura de São Paulo, Márcio França, anunciou nesta sexta-feira (20) que vai ficar neutro no segundo 2º turno da eleição na capital paulista, após ser superado por Bruno Covas (PSDB) e Guilherme Boulos (PSOL) na primeira etapa da disputa.
Em comunicado publicado nas redes sociais, França disse que “reconhece méritos importantes nos 2 candidatos escolhidos para o 2º turno”, mas disse que o projeto defendido por ele na campanha “não se encontram nas propostas e nos perfis dos candidatos pré-selecionados”.
“Permaneceremos neutros na eleição do 2º turno em SP. Reconhecendo méritos importantes nos 2 candidatos escolhidos para o 2º turno, e seguro de que a soberania popular se expressou. Respeitamos! Porém, estamos certos que aqueles mais de 728 mil cidadãos, que pensaram como eu, e que deram seu voto ao nosso projeto para dirigir a Capital, não se encontram nas propostas e nos perfis dos candidatos pré-selecionados”, disse o comunicado do ex-governador de SP.
Embora França tenha declarado neutralidade, o PSB, partido dele em SP, ainda não tomou uma decisão. Nacionalmente, o PSB participou nesta sexta (20) do lançamento de uma frente democrática em torno da candidatura de Guilherme Boulos (PSOL).
Fernando Guimarães, representante do diretório nacional do PSB, esteve no evento do PSOL e se disse emissário do presidente nacional da legenda, Carlos Siqueira.
Oficialmente, nenhum dos diretórios do PSB oficializou a entrada na campanha do PSOL em SP. O partido diz que ainda vai deliberar sobre isso e lançar uma nota formal sobre o assunto nos próximos dias.  
Veja íntegra do comunicado de França
“Permaneceremos neutros na eleição do 2º turno em SP. Reconhecendo méritos importantes nos 2 candidatos escolhidos para o 2º turno, e seguro de que a soberania popular se expressou. Respeitamos! Porém, estamos certos que aqueles mais de 728 mil cidadãos, que pensaram como eu, e que deram seu voto ao nosso projeto para dirigir a Capital, não se encontram nas propostas e nos perfis dos candidatos pré-selecionados. Não faço o que não estou convencido, Nem meus eleitores . Não aceito empurrões . A democracia sempre estará certa e respeito resultados. Assim,, desejo sorte aos dois candidatos. Agradeço mais uma vez o apoio do meu partido e de aliados que estiveram conosco na jornada, bem como dos candidatos a vereador e nossos apoiadores, rogando para que agora, por sua própria consciência e percepção, ajudem a eleger aquele que entenderem que poderá nos conduzir bem, nos próximos difíceis 4 anos. Eleições passam e chegam outras. Estaremos prontos, sempre. São Paulo merece o melhor. Márcio França”
VÍDEOS: Primeiro turno das eleições municipais 2020 em São Paulo
n
Tags .Adicionar aos favoritos o Link permanente.