OAB comemora o Setembro Verde e debate maior inclusão das pessoas com deficiência

Para homenagear o Setembro Verde, a OAB Nacional, por meio da Comissão Nacional dos Direitos da Pessoa com Deficiência, promoveu o evento virtual “Comemoração Setembro Verde – mês da promoção da autonomia e da inclusão social das pessoas com deficiência”, nesta segunda-feira (28), com a realização de palestras e debates para abordar propostas de maior inclusão das pessoas com deficiência em diversos setores da sociedade.

O evento foi transmitido em tempo real pelo canal oficial da OAB Nacional no YouTube. Os debates contaram com a participação de advogados, juízes, acadêmicos e especialistas, que abordaram vários aspectos da luta pela inclusão das pessoas com deficiência, além de discutir temas como medidas de combate à discriminação.

Foram realizados quatro painéis, que abordaram como temas os impactos da covid-19 no direito à saúde das pessoas com deficiência; Desafios e propostas para a inclusão das pessoas com deficiência no mercado de trabalho; Proteção e promoção dos direitos políticos das pessoas com deficiência; e Medidas de enfrentamento à violência doméstica e familiar contra a as pessoas com deficiência durante a atual pandemia e a Lei nº 14.022 de 2020.

O presidente da Comissão Nacional dos Direitos da Pessoas com Deficiência da OAB, Joelson Dias, avaliou que o evento conseguiu revelar e debater diversas ações e políticas concretas para a efetivação dos direitos das pessoas com deficiência. “Com a experiência e a qualificação dos debatedores, conseguimos contribuir para uma maior inclusão das pessoas com deficiência, sensibilizando e mobilizando a sociedade para temas como autonomia, independência e liberdade de escolha. Foi possível refletir sobre os principais desafios que enfrentam as pessoas com deficiência em áreas como saúde, inserção no mercado de trabalho, direitos políticos e violência doméstica, além de identificar ações, programas e projetos que contribuem de forma concreta para a garantia dos direitos das pessoas com deficiência”, afirmou Joelson Dias.

Tags .Adicionar aos favoritos o Link permanente.

“As pessoas sempre escolherão uma história que as ajude a sobreviver e prosperar.”