Paraná registra 848 casos e 3 mortes por dengue desde agosto, diz secretaria


Em 15 dias, estado teve aumento de 107 diagnósticos e uma morte, segundo boletim divulgado nesta terça-feira (20). Óbitos ocorreram no norte do Paraná. Recomendação do secretário de Saúde é para eliminar criadouros do mosquito da dengue
Pâmela Fernandes/G1
O Paraná registra 848 casos e três mortes por dengue desde agosto deste ano, de acordo com boletim da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) divulgado nesta terça-feira (20). Em 15 dias, houve aumento de 107 diagnósticos e um óbito.
CONFIRA OS CASOS POR MUNICÍPIO
A nova morte ocorrida por causa da doença foi em Cambé, no norte do Paraná. Trata-se de um homem, de 69 anos, que tinha diabetes e hipertensão arterial, informou a secretaria. A confirmação da morte ocorreu por exame laboratorial.
Os outros óbitos por dengue desde agosto foram na mesma região, em Apucarana e Assaí, conforme o boletim.
De acordo com a secretaria, cinco municípios apresentam casos de dengue grave: Foz do Iguaçu, com 5 diagnósticos, e Marmeleiro, Assaí, Cambé e Jataizinho com um caso.
O atual período de monitoramento vai até julho de 2021. As confirmações da doença ocorreram em 126 municípios. Em 111 deles, os casos são autóctones, ou seja, a infecção foi na cidade de residência.
Segundo o secretário de Saúde, Beto Preto, o vírus está circulando no estado. “Este enfrentamento não depende apenas dos órgãos governamentais, por isso reiteramos que a participação da população é fundamental para a eliminação dos criadouros do mosquito Aedes aegypti”, disse.
Veja vídeos sobre vacina contra a Covid-19 no Paraná
Veja mais notícias do estado no G1 Paraná.
Tags .Adicionar aos favoritos o Link permanente.