Parques e bosques de Campinas começam a funcionar com horário ampliado; veja regras de nova área para cães


Atrações como pedalinho, bondinho, caravela e quadras vão abrir ao público neste sábado (17). Medidas obrigatórias de prevenção à Covid-19 devem ser respeitadas. Lagoa do Taquaral é um dos 24 parques e bosques de Campinas
Prefeitura de Campinas/Divulgação
A partir deste sábado (17), os parques e os bosques de Campinas (SP) começam a funcionar em horário ampliado, e uma nova área para cães, o Parcão, será inaugurada. A cidade está na fase verde do Plano São Paulo, que permite maior flexibilização. A capacidade permitida também mudou, passou a ser de 60%.
Atrações como pedalinho, parquinho, bondinho, caravela e quadras vão abrir ao público, que deve respeitar as medidas obrigatórias de prevenção à Covid-19, como uso de máscaras de proteção, higienização constante e distanciamento social, para evitar aglomerações.
A Lagoa do Taquaral, por exemplo, abriu às 6h e segue em funcionamento até as 20h, com acesso pelos portões 1 e 7. Os demais parques e bosques abrem às 6h e fecham às 18h.
“As equipes de limpeza dos parques farão a higienização desses equipamentos frequentemente.”, informou o prefeito Jonas Donizette durante transmissão ao vivo nesta sexta-feira (16).
Até a última atualização da prefeitura, a metrópole já acumulava 35.803 casos confirmados do novo coronavírus, com 1.285 mortes provocadas por complicações da Covid-19.
‘Parcão’
Também na área da Lagoa do Taquaral, e nos mesmos horários, o parque para cachorros começa a funcionar neste sábado. O acesso é feito pelo portão 6, onde ficava o antigo kartódromo.
O Parcão tem uma área de três mil metros quadrados, cercada por alambrado de aproximadamente 2,5 metros de altura. Os cães poderão desfrutar de obstáculos para prática de exercícios. O local tem iluminação e capacidade para receber entre 30 e 50 cachorros.
“É uma área mais protegida para os cães, porque, além de ser cercada, fica separada do restante do parque. Na Lagoa do Taquaral há animais silvestres livres”, disse o secretário de Serviços Públicos, Ernesto Paulella nesta sexta.
Público na Lagoa do Taquaral, em Campinas, no primeiro dia da reabertura na quarentena do coronavírus.
Reprodução/EPTV
Veja a lista de parques e bosques de Campinas
Lagoa do Taquaral – Parque Taquaral
Bosque dos Jequitibás – Bosque
Lago do Café – parque taquaral
Parque Ecológico Monsenhor Emílio José Salim – Vila Brandina
Parque dos Guarantãs – Jardim Nova Europa
Bosque Ytzhak Rabin – Jardim Madalena
Bosque Chico Mendes – Parque São Quirino
Bosque São José (Praça Francisco Vivaldi) – Vila lemos
Bosque Ferdinando tilli – Parque Valença
Bosque dos Cambarás – DIC 5/ Ouro Verde
Bosque Augusto Ruschi – DIC 1/ Ouro Verde
Bosque dos Italianos (Praça Samuel Wainer) – Guanabara
Bosque dos Alemães (Praça João Lech Júnior) – Guanabara
Bosque dos Artistas – Swift
Parque Hermógenes Leitão de Freitas Filho – Barão Geraldo
Parque das Águas – Parque Prado
Bosque da Mata – Parque São Jorge
Bosque Santa Bárbara – Parque Santa Bárbara
Parque Linear Capivari – Jardim Capivari
Pedreira do Chapadão – Jardim Chapadão
Parque Luciano do Valle – Vila União
Parque Dom Bosco – Vida Nova/Ouro Verde
Praça da Juventude – DICs/Marighela/Ouro Verde
Lagoa do Jambeiro (Praça José Ferreira de Toledo) – Parque Jambeiro
Formas erradas e corretas de usar máscara de proteção contra o coronavírus
Arte/G1
Initial plugin text
Veja mais notícias da região no G1 Campinas
Tags .Adicionar aos favoritos o Link permanente.