Polícia faz operação contra suspeitos de organizar rinhas de galo no Paraná, Santa Catarina e São Paulo


Foram expedidos 16 mandados de prisão e 19 ordens de busca e apreensão, segundo a Polícia Civil do Paraná. Polícia faz operação em três estados contra suspeitos de organizar rinhas de galo
Divulgação/PCPR
Uma operação da Polícia Civil do Paraná foi deflagrada na manhã desta terça-feira (29) contra suspeitos de organizar rinhas de galo em cidades do Paraná, Santa Catarina e São Paulo.
Segundo a polícia, foram expedidos 35 ordens judiciais para serem cumpridas durante a operação. São 16 mandados de prisão e 19 ordens de busca e apreensão.
O objetivo da operação, segundo a polícia, é apreender galos usados nas rinhas e outros objetos.
Até as 7h30, a polícia não tinha informado quantos mandados foram cumpridos, mas de acordo com o delegado que comanda a operação, Matheus Laiola, em três local foram encontrados grandes quantidades de animais em situação de maus-tratos.
“Em três cidades já encontramos uma quantidade muito grande de galos de rinha: em Campo Magro, em Ivaiporã e em São Francisco do Sul, em Santa Catarina”, afirmou o delegado.
De acordo com a polícia, as investigações começaram após a Polícia Militar Ambiental encontrar uma rinha que estava ocorrendo em Piraí do Sul, nos Campos Gerais do Paraná.
Na oportunidade, 69 galos foram apreendidos e 15 pessoas foram autuadas.
Veja os vídeos mais assistidos do G1
Veja mais notícias do estado no G1 Paraná.
Tags .Adicionar aos favoritos o Link permanente.

“As pessoas sempre escolherão uma história que as ajude a sobreviver e prosperar.”