Pré-candidato, Paulo Eccel articula apoio do PSB, partido que elegeu Jonas Paegle em 2016

Pré-candidato à Prefeitura de Brusque pelo PT, o ex-prefeito Paulo Eccel afirma que novas conversas para coligações estão avançando. O Partido dos Trabalhadores já tem acerto com o PV, e o partido também conversa com a nova diretoria do PSB e com o Psol para possíveis alianças.

O novo presidente local do PSB é Armando Dispósito, ex-secretário de Desenvolvimento Econômico e diretor de Habitação de Brusque. De acordo com Dispósito, no momento, o partido está analisando a lista de filiados do município para apoiar possíveis candidatos e diálogo com outras siglas para possíveis coligações.

“Estamos em diálogo com outros partidos, dentre eles o PT, por causa do legado e do histórico que teve no município”, afirma. Dispósito destaca que a intenção do PSB é formar aliança com algum partido que apresente “uma boa proposta de governo e projeto para a cidade, e não em termos de barganha”.

Essa possível aliança do PSB com o PT traria uma mudança radical ao partido, pelo qual o prefeito Jonas Paegle foi eleito em 2016 – depois de substituir a candidatura de Ciro Roza, hoje no Podemos.

A sigla, até então dominada por políticos inclinados à direita, alinhou-se à esquerda, com o ex-petista Claudio Vignatti assumindo, em março deste ano, a presidência estadual do partido.

Arquivo O Município“>

Tags .Adicionar aos favoritos o Link permanente.

“As pessoas sempre escolherão uma história que as ajude a sobreviver e prosperar.”