Preso por tentar atirar contra a ex-mulher é indiciado por tentativa de feminicídio no AP


Homem chegou a disparar com arma caseira, mas não atingiu a vítima. Caso foi em 17 de setembro no município de Amapá e indiciamento ocorreu 10 dias depois. Arma caseira usada pelo homem disparava munição calibre 12
Polícia Civil/Divulgação
A Polícia Civil indiciou por tentativa de feminicídio um homem preso em 17 de setembro por atirar contra a ex-companheira usando uma arma de fogo caseira. A mulher não foi atingida e ele fugiu da cena do crime sendo preso logo depois. O caso aconteceu no município de Amapá, a 302 quilômetros de Macapá.
A corporação não informou os nomes de vítima e acusado, mas publicou nesta segunda-feira (28) que o indiciamento aconteceu no domingo (27). Agora, a Justiça receberá a denúncia e decidirá ou não se ele vai a julgamento pelo crime.
Além da tentativa de feminicídio, o homem foi indiciado por porte ilegal. A arma de fogo usada no crime apresentava características artesanais, como cabo de madeira, pregos e elásticos.
Antes do disparo, segundo a polícia, o investigado manteve contato com a ex através de mensagens e em seguida foi até onde ela trabalha.
“Após o deferimento da prisão preventiva do acusado, ele foi preso dois dias após o crime. A arma utilizada por ele foi encontrada em região de mata na zona urbana do município. É uma arma artesanal calibre 12, fabricada pelo próprio acusado”, detalhou o delegado Kleyson Fernandes, responsável pela investigação.
Veja o plantão de últimas notícias do G1 Amapá
ASSISTA abaixo o que foi destaque no AP:
Tags .Adicionar aos favoritos o Link permanente.

“As pessoas sempre escolherão uma história que as ajude a sobreviver e prosperar.”