Servidora do TJPR é suspeita de falsificar documentos e desviar R$ 104 mil de contas judiciais, em Curitiba


Polícia investiga participação da servidora, do ex-companheiro dela e de mais cinco pessoas no esquema. Dois mandados de busca e apreensão são cumpridos na manhã desta sexta-feira (16). Polícia cumpre dois mandados de busca e apreensão, em Curitiba
Divulgação/Polícia Civil
Uma servidora do Tribunal de Justiça do Paraná (TJPR) suspeita de desviar dinheiro de contas judiciais é alvo de uma operação da Polícia Civil do Paraná na manhã desta sexta-feira (16), em Curitiba.
Segundo as investigações, a servidora se utilizava do cargo dela para falsificar documentos e desviar os valores. Um ex-companheiro dela e mais cinco pessoas são suspeitas de participar do esquema.
A Divisão Estadual de Combate à Corrupção (Deccor) cumpre dois mandados de busca e apreensão na ação desta manhã. Também foram expedidos seis bloqueios de bens dos investigados.
As investigações apontam que foram desviados mais de R$ 104 mil em pelo menos sete operações bancárias diferentes entre os meses dezembro de 2019 e março de 2020.
De acordo com a polícia, os investigados na operação receberam os valores desviados pela servidora.
A servidora e o ex-companheiro dela também são suspeitos de terem desviado bolsas e celulares apreendidos em processos criminais. As investigações apontam que os dois presentearam parentes com estes objetos.
Os alvos da operação podem ser indiciados pelos crimes de associação criminosa, peculato, estelionato contra entidade de direito público, falsificação de documento, falsidade ideológica e uso de documento falso.
VÍDEOS: mais assistidos do G1
Veja mais notícias da região no G1 Paraná.
Tags .Adicionar aos favoritos o Link permanente.