Suspeito de ser mandante da morte de mulher em boate no sudoeste da BA é preso em Salvador


Segundo a polícia, suspeito tem envolvimento em outros 11 homicídios em Jequié, além de relação com tráfico de drogas na cidade. Parte do vídeo do momento em que homens invadem boate e efetuam disparos
Reprodução/TV Santa Cruz
Um homem suspeito de ser o mandante da morte de Girlane de Jesus, dentro da boate de que ela era dona, em Jequié, cidade no sudoeste da Bahia, foi preso na quarta-feira (14), em Salvador, segundo o delegado Moabe Macedo, que investiga o caso.
Veja vídeo do momento em que homens invadem boate e efetuam disparos
O crime aconteceu no dia 12 junho deste ano, na boate Paraíso das Pimentas, que fica nas proximidades da rodovia Barragem de Pedras, bairro Fazenda Velha. Uma dupla em uma moto invadiu a casa no início da tarde e disparou contra Gislane.
Durante o ocorrido, um dos clientes chegou a se jogar na piscina para não ser baleado. Um outro também foi atingido e socorrido para o Hospital Prado Valadares. Não há informações sobre o estado de saúde dele.
Dias após o crime, as investigações da polícia apontaram que o assassinato de Gislane foi motivada por represália à morte de outros dois homens, que foram baleados durante uma ação da Polícia Militar depois que saíram da boate, no dia 31 de maio.
Após a prisão do suspeito, ainda não foi confirmado a motivação do crime. Segundo a polícia, o homem tem envolvimento em outros 11 homicídios em Jequié, além de relação com o tráfico de drogas na cidade.
Veja mais notícias do estado no G1 Bahia.
Assista aos vídeos do Jornal da Manhã
Tags .Adicionar aos favoritos o Link permanente.

“As pessoas sempre escolherão uma história que as ajude a sobreviver e prosperar.”